Abrir menu principal

Alterações

1 byte removido ,  16h06min de 23 de dezembro de 2018
→‎Monstros marinhos: o bicho papão existe
'''Monstro''' (do termo [[latim|latino]] ''monstru'') é o nome dado genericamente a um ser fantástico ou [[criatura lendária]], de aspecto e atos [[Medo|aterrorizantes]].<ref>FERREIRA, A. B. H. ''Novo Dicionário da Língua Portuguesa''. 2ª edição. Rio de Janeiro. Nova Fronteira. 1986. p. 1 156.</ref>
 
Os monstros aparecem em quase todas as [[cultura]]s, em suas [[mitologia]]s, [[folclore]]s e [[lenda]]s, e também na [[ficção]], em livros e filmes de [[Terror (gênero)|terrorterro]]. Nestes contextos, o monstro encarna, frequentemente, a figura do [[Mal]], que é derrotada por um [[herói]] ou [[cavaleiro]] que representa o [[Bem (filosofia)|Bem]] e as [[virtude]]s. Também são citados monstros nas histórias [[Literatura infantojuvenil|infantis]] e [[cinematográficas]], como por exemplo; [[Monsters, Inc.|Monstros S.A.]], [[Hotel Transylvania|Hotel Transilvânia]] e [[Where the Wild Things Are|Onde Vivem os Monstros]]. Em respeito às artes cinematográficas, temos os exemplos do [[Conde Drácula]], o [[Frankenstein]] e [[Lobisomem]], entre outros.
 
Monstros são, em geral, manifestações primitivas do medo [[Subconsciência|subconsciente]] ou lendas, como: Lobisomem, [[mula sem cabeça]] ou [[boitatá]]. Em alguns casos, lendas envolvendo monstros possuem um fundo de verdade em sua origem.
Utilizador anónimo