Diferenças entre edições de "Admiral Graf Spee"

43 bytes adicionados ,  22h56min de 19 de janeiro de 2019
sem resumo de edição
 
Ele foi lançado ao mar logo nos primeiros meses da guerra com a missão de caçar [[Cargueiro|navios mercantes]] [[Inglaterra|ingleses]] nas águas do [[Oceano Atlântico|Atlântico Sul]].
 
[[Ficheiro:Graf Spee Arado 2.jpg|thumb|200px|esquerda|O ''Admiral Graf Spee'' em 1939.]]
== História ==
[[Ficheiro:Graf Spee Arado 2.jpg|thumb|200px|esquerda|O ''Admiral Graf Spee'' em 1939.]]
Ao final da [[Primeira Guerra Mundial]], os países vencedores, haviam punido a [[Alemanha]]
com o cumprimento do [[Tratado de Versalhes]], que a obrigava a manter e construir navios somente dentro do limite de tonelagens permitidos pelo mesmo. Isto fazia com que a [[Kriegsmarine|Marinha Alemã]] ficasse dentro de parâmetros estabelecidos, não representando risco para as demais nações. Naquela época, os maiores navios de guerra tinham um deslocamento''(peso da água deslocada)'' de cerca de {{formatnum:30000}} t e levavam canhões de 318 mm, 356 mm e até de 406 mm. As condições impostas a Alemanha a pelo Tratado limitava além do peso, o armamento que não poderia ultrapassar duas torres por navio com três canhões de 280 mm(11 pol).<ref>Coleção 70º Aniversário da Segunda Guerra Mundial, Abril - 2009 : Volume 07</ref>
[[Categoria:Kriegsmarine]]
[[Categoria:Navios de 1934]]
[[Categoria:Navios construídos naem AlemanhaWilhelmshaven]]
[[Categoria:Navios da Kriegsmarine]]
[[Categoria:Naufrágios no Oceano Atlântico na Segunda Guerra Mundial]]
[[Categoria:Cruzadores da Marinha Alemã]]