Abrir menu principal

Alterações

m
Foram revertidas as edições de 186.248.109.30 para a última revisão de Pedro Jorge Nunes da Costa, de 21h42min de 25 de janeiro de 2019 (UTC)
 
}}
'''José Renan Vasconcelos Calheiros''' ([[Murici (Alagoas)|Murici]], {{dtlink|lang=br|16|9|1955}}) é um [[ladrão|ladrão, mafioso]] e [[Corrupção ativa|corruptopolítico]] [[brasileiro]]. Filiado ao [[Movimento Democrático Brasileiro (1980)|MDB]], é Senador por Alagoas, ex-[[presidente]] do [[Senado Federal do Brasil|Senado Federal]] e a partir de 29 de junho de 2017, deixou a liderança do partido na casa.<ref>{{Citar periódico|data=2015-02-01|titulo=Renan Calheiros é reeleito presidente do Senado Federal|jornal=Política|url=http://g1.globo.com/politica/noticia/2015/02/renan-calheiros-e-eleito-presidente-do-senado-pela-terceira-vez.html}}</ref><ref>{{Citar periódico|titulo=Renan é escolhido novo líder do PMDB do Senado - Agência Estado - UOL Notícias|jornal=UOL Notícias|url=https://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/agencia-estado/2017/01/31/renan-e-escolhido-novo-lider-do-pmdb-do-senado.htm}}</ref>
 
Cumpre seu terceiro [[mandato]] no [[Senado Federal do Brasil]] (1995–2003 / 2003–2011 / 2011–2019) como representante de seu [[estado]] natal, [[Alagoas]].<ref>{{citar web|url=http://www.renancalheiros.com.br/index.php/renan-calheiros/perfil-biografico|título=Perfil Biográfico - Senador Renan Calheiros|publicado=}}</ref> Foi [[Lista de presidentes do Senado Federal do Brasil|Presidente]] do Senado Federal do Brasil por três períodos: de 2005 até 2007, quando renunciou ao cargo, após [[Renangate|denúncias de corrupção]]; de 2013 a 2015 e de 2015 a 2017. No âmbito político, foi absolvido em 2013, por votação de seus pares no Senado.<ref>{{citar web |url=http://www.estadao.com.br/noticias/nacional,renan-foi-absolvido-com-48-votos-contra-cassacao,90502,0.htm|titulo=Estadão - NOTÍCIAS - Renan foi absolvido com 48 votos contra cassação |publicado=Estadão|data=4 de dezembro de 2007|acessodata=25 de março de 2013}}</ref>