Diferenças entre edições de "Gabriela Hardt"

15 bytes removidos ,  19h43min de 6 de fevereiro de 2019
m
 
== Biografia ==
Filha do engenheiro químico Jorge Hardt e Marilza Ferreira Hardt, na infância sempre tirou férias na casa onde hoje reside sua avó Jurema Mesquita Ferreira, em [[Nova Friburgo]]. A mãe relata que os programas prediletos da filha eram "montar o cavalo do “seu Joca”, em [[Mury]]; andar nas antigas charretes puxadas por bodes na [[Praça do Suspiro]]; subir o teleférico; e visitar os tios em [[Cordeiro]]". Ainda no relato da mãe,: "desde pequena era decidida, sabia o queria e ia atrás.; Nuncanunca levava desaforo para casa, suas desavenças eram resolvidas sem pedir ajuda. Tudo para ela tinha que ser ‘nosnos conformes da lei’", como dizia a personagem de uma novela, a juíza Mirandinha, que lhe rendeu até um apelido.<ref name="avozdaserra" />.
 
Foi criada em [[São Mateus do Sul]], depois que a mãe passou a residir no município, onde Jorge trabalhava em umanuma usina da [[Petrobrás]], processadora de [[xisto]]. Foi na piscina do clube dos funcionários da empresa que a juíza aprendeu a nadar e começou a competir.<ref name="avozdaserra" />.
 
Cursou dois anos de engenharia,<ref name="avozdaserra" />, mas preferiu se formar em direito pela [[Universidade Federal do Paraná]], prestou concurso em 2007, e foi nomeada juíza em 2009, para uma vaga em [[Paranaguá]], no litoral do estado.<ref name="G1">{{citar web|url=https://g1.globo.com/pr/parana/noticia/2018/11/01/gabriela-hardt-veja-quem-e-a-juiza-que-assume-temporariamente-a-lava-jato.ghtml|título=Gabriela Hardt: veja quem é a juíza que assume temporariamente a Lava Jato|data=1 de novembro de 2018|acessodata=25 de novembro 2018|autor=Ana Zimmermann|publicado=G1}}</ref><ref>{{Citar periódico|ultimo=Braziliense|primeiro=Correio|data=2018-11-01|titulo=Gabriela Hardt: saiba quem é a juíza que assume a Lava-Jato |url=https://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia/politica/2018/11/01/interna_politica,717003/gabriela-hardt-saiba-quem-e-a-juiza-que-assume-a-lava-jato.shtml|jornal=Correio Braziliense|lingua=pt-BR}}</ref>. Notabilizou-se por assumir temporariamente a 13.ª Vara Federal de Curitiba após a exoneração do titular [[Sérgio Moro]]. A magistrada informou ter sido designada pelo [[Tribunal Regional Federal da 4ª Região]] (TRF-4) para a titularidade pelo período de 19 de novembro de 2018 atéa 30 de abril de 2019.<ref>{{Citar periódico|data=2018-11-22|titulo=Juíza Gabriela Hardt ficará à frente da Lava-Jato em Curitiba até o fim de abril|url=https://oglobo.globo.com/brasil/juiza-gabriela-hardt-ficara-frente-da-lava-jato-em-curitiba-ate-fim-de-abril-23251516|jornal=O Globo|lingua=pt-BR}}</ref><ref>{{Citar periódico|titulo=Gabriela Hardt é designada juíza titular da Lava Jato até abril de 2019|url=https://veja.abril.com.br/politica/gabriela-hardt-e-designada-juiza-titular-da-lava-jato-ate-abril-de-2019/|jornal=VEJA.com|lingua=pt-BR}}</ref><ref>{{Citar periódico|data=2018-11-22|titulo=Juíza Gabriela Hardt deverá sentenciar Lula - ISTOÉ Independente|url=https://istoe.com.br/juiza-gabriela-hardt-devera-sentenciar-lula/|jornal=ISTOÉ Independente|lingua=pt-BR}}</ref>.
 
Foi nomeada em 2014 como juíza substituta na 13.ª Vara Federal e assumia os trabalhos quando Sérgio Moro saía de férias.<ref>{{Citar periódico|ultimo=Redação|primeiro=Da|titulo=Saiba quem é a juíza que vai substituir Sergio Moro nas férias|url=https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/saiba-quem-e-a-juiza-que-vai-substituir-sergio-moro-nas-ferias/|jornal=Jornal CORREIO {{!}} Notícias e opiniões que a Bahia quer saber|lingua=pt-BR}}</ref><ref>{{Citar periódico|titulo=CLICK: Substituta de Sérgio Moro pratica maratona aquática, corrida e vôlei|url=https://politica.estadao.com.br/blogs/coluna-do-estadao/click-substituta-de-sergio-moro-pratica-maratona-aquatica-corrida-e-volei/|jornal=Coluna do Estadão|lingua=pt-br}}</ref>.
 
Em [[Catanduvas (Paraná)|Catanduvas]], foi [[corregedor|corregedora]] da [[Penitenciária Federal de Catanduvas|penitenciária federal da cidade]], onde lidava com presos perigosos, a exemplo de líderes de facções de tráfico de drogas.<ref>{{citar web|url=https://www1.folha.uol.com.br/poder/2018/11/substituta-de-moro-deve-continuar-a-frente-da-lava-jato-ate-abril.shtml|título=Substituta de Moro deve continuar à frente da Lava Jato até abril|data=22 de novembro de 2018|acessodata=16 de dezembro de 2018|autor=|publicado=Folha de S.Paulo}}</ref>.
 
== Genealogia ==
Com família formada em [[Indaial]], em [[Santa Catarina]], a genealogia remonta à elite política do município: seu bisavô, [[Frederico Hardt]], foi o primeiro prefeito, pela [[Aliança Liberal]], entre os anos de 1934 e 1941; [[Alfredo Hardt]] foi prefeito entre 1961 e 1966; e o tio, [[Frederico João Hardt]], foi prefeito entre 1993 e 1996, pelo [[MDB]].<ref name="brasil247">{{citar web|url=https://www.brasil247.com/pt/247/sul/378517/Ju%C3%ADza-Gabriela-Hardt-segue-perfil-autorit%C3%A1rio-de-Moro.htm|título=Juíza Gabriela Hardt segue perfil autoritário de Moro|data=25 de novembro de 2018|acessodata=26 de dezembro de 2018|autor=|publicado=Brasil 247}}</ref>.
 
Nos anos 1920, seu bisavô iniciou a construção da [[Firma Frederico Hardt]], que começou na condição fábrica de laticínios pioneira na região. Nos anos 1940, expandiu o mercado para comercialização de outros gêneros alimentícios, ferragens, louças, tecidos, e confecções. Desde os anos 1970, a família é dona da [[Hardt Confecções]] e das [[Lojas Hardt]], uma rede de lojas de departamento, com mais de 150 trabalhadores, também espalhadas em [[Timbó (Santa Catarina)|Timbó]] e [[Blumenau]], municípios de Santa Catarina.<ref name="brasil247" />.
 
== Atuação como juíza ==
1 534

edições