Diferenças entre edições de "John Young"

75 bytes adicionados ,  19h36min de 8 de fevereiro de 2019
sem resumo de edição
Após o fim do [[Programa Apollo]], Young continuou ativo na NASA e em [[1981]], aos 50 anos, foi o primeiro astronauta a comandar uma missão de um ônibus espacial, o [[Columbia (ônibus espacial)|Columbia]] na [[STS-1]]. Em [[1983]], retornou ao espaço na missão inaugural do [[Spacelab]], a [[STS-9]]. Também seria o primeiro homem a ir ao espaço sete vezes com a missão [[STS-61-J]], que colocaria o [[telescópio espacial Hubble]] em órbita. A missão estava agendada para para [[27 de outubro]] de [[1986]],<ref>{{citar web|titulo=Space Shuttle Shedule 1986|publicado = Flight International|url=http://www.flightglobal.com/pdfarchive/view/1986/1986%20-%200258.html|formato=PDF| acessodata=28/02/2008}}</ref> contudo, foi cancelado após o desastre do [[Challenger]], em [[28 de janeiro]] de [[1986]], na missão [[STS-51-L]]. O Hubble só seria satelitizado em abril de [[1990]], na [[STS-31]], mas com outro comandante.
 
Após 42 anos de serviços ininterruptos na NASA, '''John Young''' aposentou-se em dezembro de [[2004]], aos 74 anos de idade, (de modo que foi o homem que mais tempo permaneceu no cargo de astronauta); entretanto comparecia ao encontro matinal das segundas-feiras, no Departamento de Astronautas da agência, onde trocava opiniões e dividia experiências com os atuais astronautas.
 
Faleceu em [[5 de janeiro]] de [[2018]] em razão de complicações de [[pneumonia]].<ref>{{Citar periódico|ultimo=Beutel|primeiro=Allard|data=2018-01-06|titulo=NASA Statement on the Passing of Astronaut John Young|url=https://www.nasa.gov/press-release/nasa-remembers-agency-s-most-experienced-astronaut|jornal=NASA|lingua=en}}</ref>
Utilizador anónimo