Diferenças entre edições de "Abelardo Luján Rodríguez"

2 bytes adicionados ,  18h14min de 12 de fevereiro de 2019
m
manutênção refs.
m (Removendo bandeira — ver WP:NÃOINFO, replaced: do {{MEX}} → do México)
m (manutênção refs.)
|antes =[[Pascual Ortiz Rubio]]
|depois = [[Lázaro Cárdenas del Río]]
|títulotítulo2 = Governador de [[Sonora]] - {{MEX}}
|mandatomandato2 = [[13 de septiembresetembro]] de [[1943]] - [[15 de abril]] de [[1948]]
|antesantes2 = [[Anselmo Macías Valenzuela]]
|depoisdepois2 = [[Horacio Sobarzo Díaz]]
|títulotítulo3 = Governador da [[Baixa California]] - {{MEX}}
|mandatomandato3 = [[1923]] - [[1930]]
|antesantes3 = [[José Inocente Lugo]]
|depoisdepois3 = [[José María Tapia Freyding]]
|nascimento_data = {{dni|12|5|1889|si|lang=br}}
|nascimento_local = [[Guaymas]], [[Sonora]], [[México]]
 
== Carreira política ==
Em [[1923]] foi nomeado por Obregón, seu antigo comandante no exército constitucionalista, como [[Anexo:Gobernantes de Baja California|governador general do Território da Baixa California]] e desenvolveu uma política de recuperação das finanças públicas, afetadas pela [[rebelião huertista]], a qual combateu. Também fomentou a [[educação]], a construção de estradas, a [[agricultura]], a [[indústria]], a [[reforma agrária]], a construção de vias e canais de irrigação e o [[sindicalismo]], além de exigir que as empresas contratassem mão-de-obra mexicana. Esta política seria levada a cabo também durante sus presidência.
 
Quando seu velho amigo [[Plutarco Elías Calles]] chegou a presidência em [[1 de dezembro]] de [[1924]], foi ratificado no cargo e seu prestígio cresceu constantemente.<ref>Naquela época, a Baixa California não era um território ou um Estado soberano. Seu governador era designado diretamente pelo presidente. Somente se converteu em Estado a [[8 de octubre]] de [[1974]], durante o governo de [[Luis Echeverría]].</ref>
 
== Presidente substituto ==
Em [[2 de setembro]] de 1932, no dia seguinte ao II despacho presidencial, Ortiz Rubio apresentou sua renúncia do cargo que alguns não desejavam que exercesse.<ref>{{Citacitar web |url=http://www.inep.org/content/view/19/107/ |título=Renuncia de Ortiz Rubio}}</ref>
 
De acordo com o artigo 86 da Constituição, o [[Congreso de México|Congresso Mexicano]] deveria aprovar a renúncia do presidente e na mesma tarde em que foi apresentada ele aceitou a renúncia de Ortiz Rubio.<ref>{{Citacitar web |url=http://constitucion.gob.mx/index.php?idseccion=139&ruta=1 |título=Artículo 86 constitucional |urlarchivourlarquivo=https://web.archive.org/web/20070520011913/http://constitucion.gob.mx/index.php?idseccion=139&ruta=1 |fechaarchivoarquivodata=20 de mayomaio de 2007 }}</ref>
 
Procedendo-se conforme o artigo 84 constitucional o Congresso instaurou um [[colégio eleitoral]] para designar o sustituto que deveria concluir o mandato.<ref>{{Citacitar web |url=http://constitucion.gob.mx/index.php?idseccion=137&ruta=1 |título=Artículo 84 de la Constitución |urlarchivourlarquivo=https://web.archive.org/web/20070520011512/http://constitucion.gob.mx/index.php?idseccion=137&ruta=1 |fechaarchivoarquivodata=20 de mayomaio de 2007 }}</ref>
 
De acordo com a [https://web.archive.org/web/20070609133245/http://www.cddhcu.gob.mx/organi/leyorg.htm Ley Orgánica do Congresso dos Estados Unidos Mexicanos], a proposta do presidente substituto se fez pelo grupo parlamentar do partido em que militava o presidente a sustituir, no caso o [[Partido Revolucionario Institucional|Partido Nacional Revolucionario]], que propôs os seguintes indivíduos:<ref name=repetida_1>''Cfr.'' Casasola, Gustavo: ''Historia gráfica de la revolución mexicana. Vol. 6''.</ref>
Rodríguez exerceu a presidência na qualidade de substituto de [[4 de novembro]] de [[1932]] até [[30 de novembre]] de [[1934]], na qualidade de presidente constitucional substituto do México, com a mesma política que exerceu na época de governador da Baixa Califórnia.
 
Durante sua presidência promulgou a reforma antielecionista<ref>{{Citacitar web |url=http://www.cddhcu.gob.mx/LeyesBiblio/ref/dof/CPEUM_ref_012_29abr33_ima.pdf |título=reforma antireeleccionista |urlarchivourlarquivo=https://web.archive.org/web/20070927235135/http://www.cddhcu.gob.mx/LeyesBiblio/ref/dof/CPEUM_ref_012_29abr33_ima.pdf |fechaarchivoarquivodata=27 de septiembresetembro de 2007 }}</ref> a Constituição, que evitava a reeleição imediata de todos os cargos eletivos populares, estabelecida a partir de [[29 de abril]] de [[1933]].
 
Reformou a Lei do Patrimonio Ejidal, criou o Banco Hipotecario y de Obras Públicas, hoje Banco Nacional de Obras y Servicios Públicos (Banobras)<ref>{{Citacitar web |url=http://www.banobras.gob.mx/Banobras |título=Banco Nacional de Obras y Servicios Públicos (Banobras) |urlarchivourlarquivo=https://web.archive.org/web/20070505111815/http://www.banobras.gob.mx/BANOBRAS/ |fechaarchivoarquivodata=5 de mayomaio de 2007 }}</ref> um dos poucos bancos paraestatais mexicanos, que começou a funcionar em fevereiro de [[1933]].
 
Também, com a Lei da Beneficencia Privada estabeleceu que os organismos privados de assistência fossem regulados pela Secretaria de Governo e a partir de [[2004]] esta função pertenceria a [[Secretaría de la Función Pública (México)|Secretaria da Função Pública]]. Além disso, enviou ao Congresso a inciativa de [[Ley Orgánica de la Universidad Nacional Autónoma de México]]<ref>{{Citacitar web |url=http://www.ordenjuridico.gob.mx/Federal/OA/UNAM/Leyes/06011945%281%29.pdf |título=Ley Orgánica de la Universidad Nacional Autónoma de México |urlarchivourlarquivo=https://web.archive.org/web/20071007200118/http://www.ordenjuridico.gob.mx/Federal/OA/UNAM/Leyes/06011945%281%29.pdf |fechaarchivoarquivodata=7 de octubreoutubro de 2007 }}</ref> e uma lei contra os monopólios.
 
Outorgou, pelo decreto de [[2 de maio]] de [[1933]], o completo controle de cambio ao [[Banco do México]].
Seu mandato terminou em [[30 de novembro]] de [[1934]], quando foi sucedido por [[Lázaro Cárdenas del Río]]. Durante algum tiempo se retirou da política. Foi visto publicamente em [[1941]], quando o México se envolveu na [[Segunda Guerra Mundial]], o então presidente [[Manuel Ávila Camacho]] convocou todos os ex-presidentes vivos a uma marcha de unidade nacional no [[Palacio Nacional (México)|Palácio Nacional]]. Estiveram presentes todos os ex-presidentes que governaram o país desde [[1920]], a exceção de Álvaro Obregón (assassinado em [[17 de julho]] de [[1928]]).
 
Em [[1943]] foi eleito como [[Anexo:Gobernantes de Sonora|governador de Sonora]], cargo para o qual tomou posse em [[13 de setembro]]. Dedicou atenção especial a educação, tendo como destaque de sua gestão a fundação da [[Universidade de Sonora]].<ref>Anónimo [http://usuarios.lycos.es/Aime/alrodriguez.html Abelardo L. Rodríguez] {{Wayback|url=http://usuarios.lycos.es/Aime/alrodriguez.html |date=20070524184632 }} Consultado em 17 de abril de 2007.</ref>
 
Fundou o Banco Mexicano, o Banco Mexicano de Occidente e o Banco de Crédito Mexicano, além das empresas Pesqueras del Pacífico, Atún Mexicano e Astilleros Rodríguez.
== Bibliografia ==
 
* {{Citacitar librolivro |apellidoapelido=DELGADO MARTÍN |nombrenome= Jaime |título=Historia General de España y América. Hispanoamérica en el siglo XX |url=http://www.rialp.com/index.php?op=materias&materia=Historia%20General%20de%20Espa%F1a%20y%20Am%E9rica |fechaaccesoacessodata=12 de febrerofevereiro de 2010|ediciónedição= 1ª |añoano=1992 |editorialeditora=Rialp |ubicaciónlocal=Madrid |isbn=84-321-2117-7 |capítulo=México:los caudillismos de Calles y de Cárdenas |páginas=370-390
}}
* {{Citacitar librolivro
|autor= CASASOLA, Gustavo
|título= Historia Gráfica de la Revolución Mexicana
|añoano= 1960
|editorialeditora= Barcelona: Trillas
|isbn= 968-24-4529-9
}}
* {{Citacitar librolivro
|autor= ROSAS, Alejandro
|título= Los presidentes de México
|añoano= 2001
|editorialeditora= Ciudad de México: Planeta
|isbn= 970-690-507-3
}}
* {{Citacitar librolivro
|autor= VÁZQUEZ GÓMEZ, Juana
|título= Diccionario de gobernantes de México
|añoano= 1997
|editorialeditora= Ciudad de México: Océano
|isbn= 968-28-0369.1
}}
* {{Citacitar librolivro
|autor= SÁNCHEZ HERMAN, René
|título= Enciclopedia de los personajes de México
|añoano= 1998
|editorialeditora= Ciudad de México: Océano
|isbn= 84-8259-108-8
}}
* {{Citacitar librolivro
|autor= RODRÍGUEZ, Abelardo L.
|título= Autobiografía
|añoano= 1962
|editorialeditora= Tijuana: Castillo
|isbn= 3-8290-5691-5
}}
*Memoria administrativa del gobierno del Distrito Norte de la Baja California 1924 -1927 - Abelardo L. Rodríguez
 
== LinksLigações externosexternas ==
*[https://web.archive.org/web/20070610211548/http://www.cicese.mx/mexico/bc/biografias/abelardo_rodriguez.html Rodríguez en la página del gobierno bajacaliforniano]
* [http://www.monografias.com/trabajos12/hmentre/hmentre.shtml El Maximato]
 
{{biografias}}
{{controlo de autoria}}
 
{{Portal3|Biografias|Política}}