Diferenças entre edições de "Programa de auditório"

124 bytes adicionados ,  22h33min de 8 de março de 2019
sem resumo de edição
m (Foram revertidas as edições de 138.94.64.194 para a última revisão de Fasouzafreitas, de 00h55min de 8 de julho de 2018 (UTC))
Etiqueta: Reversão
Etiquetas: Edição via dispositivo móvel Edição feita através do sítio móvel
== No Brasil ==
[[Imagem:Silviosantos.jpg|thumb|220|Silvio Santos]]
Na [[Televisão no Brasil|televisão brasileira]], dois ícones a serem citados são [[Abelardo Barbosa]] ([[Chacrinha]]) e [[Silvio Santos]]. O primeiro, fenômenofenômen uho de audiência até sua morte, em [[1988]], interagia com o auditório e animava-o com bordões famosos como "Vocês querem bacalhau?". O segundo apresenta até hoje uma série de programas no [[SBT]], do qual é proprietário, sempre com sua plateia composta quase absolutamente por mulheres.
 
Existem dois formatos de auditório: o formato ''europeu'', usado em sua maioria na Globo e Record, onde a plateia é distribuída em formato "tobogã" (plateia alta acima, plateia baixa abaixo), e o formato "americano/mexicano", usado no [[Programa Silvio Santos]] com uma plateia na horizontal, possibilitando interatividade direta do apresentador com os espectadores.
 
Rivais na audiência com [[Domingão do Faustão]] e [[Domingo Legal]], [[Fausto Silva]] e [[Augusto Liberato]] começaram, respectivamente, nos programas [[Perdidos na Noite (programa de TV)|Perdidos na Noite]] e [[Viva a Noite]]. Outro marco da época moderna da televisão foi o [[Programa Livre]], de [[Serginho Groisman]], que estreou em [[1991]]. O programa era composto por uma plateia de jovens que interagiam diretamente com os convidados fazendo perguntas e debatendo temas. O formato do programa está sendo reutilizado no [[Altas Horas]], também de Serginho. [[Renato Aragão]] estrelou seus programas humorísticos ''[[Os Trapalhões]]'', ''[[A Turma do Didi]]'' e ''[[Aventuras do Didi]]'', sendo que o segundo, o terceiro e o quarto, não tinham nada a ver com os mesmos moldes de Os Trapalhões. O especial de fim de ano ''[[Show da Virada]]'' segue os moldes do ''[[Réveillon do Faustão]]'', onde os cantores brasileiros se apresentam, o grande elenco da Globo anima a galera desejando um feliz ano novo e o jornalismo da Globo entra em cena ao vivo, para transmitir o maior réveillon do Brasil.
Oi meu nome emagnolia tenkocincofilko preciso di ajuda opai do meusfilko usa dogras morro ehjacare pagua na covanca
 
{{Referências}}
 
Utilizador anónimo