Abrir menu principal

Alterações

{{Europa em 1920}}
 
As negociações entre as potências aliadas começaram em 18
As negociações entre as potências aliadas começaram em 18 de Janeiro, no Salão dos Relógios no [[Ministério dos Negócios Estrangeiros (França)|Ministério dos Negócios Estrangeiros francês]], no [[Quai d'Orsay]], em Paris. No início participaram nas negociações 70 delegados representado 27 nações.<ref>{{citar livro|último = Lentin |primeiro = Antony |título= Guilt at Versailles: Lloyd George and the Pre-history of Appeasement | origdate = 1984|ano= 1985 |publicado= Routledge |local= |língua= | isbn = 9780416411300|página=84}}</ref>
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
As negociações entre as potências aliadas começaram em 18 de Janeiro, no Salão dos Relógios no [[Ministério dos Negócios Estrangeiros (França)|Ministério dos Negócios Estrangeiros francês]], no [[Quai d'Orsay]], em Paris. No início participaram nas negociações 70 delegados representado 27 nações.<ref>{{citar livro|último = Lentin |primeiro = Antony |título= Guilt at Versailles: Lloyd George and the Pre-history of Appeasement | origdate = 1984|ano= 1985 |publicado= Routledge |local= |língua= | isbn = 9780416411300|página=84}}</ref>
 
Tendo sido derrotados, a Alemanha, a [[Áustria]] e a [[Hungria]] (estados que sucederam à [[Áustria-Hungria]]) foram excluídas das negociações. A [[República Socialista Federativa Soviética da Rússia]] também foi excluída porque tinha negociado o [[Tratado de Brest-Litovsk]], que estabelecia uma paz separada com a Alemanha em 1918, graças ao qual a Alemanha ganhou uma grande faixa de terras e de recursos à Rússia.<ref name="InfoEscola"/>
Utilizador anónimo