Abrir menu principal

Alterações

O Torneio Rio-São Paulo foi realizado pela primeira vez em [[1933]]. Contava com a participação de, por ordem final da colocação: [[Sociedade Esportiva Palmeiras|Palestra Itália]] (campeão), [[São Paulo Futebol Clube|São Paulo]], [[Portuguesa de Desportos]], [[Bangu AC|Bangu]], [[Club de Regatas Vasco da Gama|Vasco]], [[Sport Club Corinthians Paulista|Corinthians]], [[Fluminense Football Club|Fluminense]], [[America Football Club|America (RJ)]], [[Santos Futebol Clube|Santos]], [[Bonsucesso Futebol Clube|Bonsucesso]], [[Associação Atlética São Bento (São Paulo)|AA São Bento]] e [[Clube Atlético Ypiranga|Ypiranga (SP)]].
 
Com exceção do [[Clube de Regatas do Flamengo|Flamengo]] e do Sírio que não disputou o Rio-São Paulo, as partidas do [[Campeonato Carioca de Futebol de 1933|Campeonato Carioca]] organizado ''pela Liga Carioca de Football'' (onde o [[Botafogo Football Club|Botafogo]] não participava) e do [[Campeonato Paulista de Futebol de 1933|Campeonato Paulista]] valiam para o torneio interestadual.
 
Na partida que decidiu este torneio, o Palestra venceu o Fluminense por 2 a 1 no [[Estádio Palestra Itália]], na última rodada, perante cerca de 25.000 torcedores. Incorretamente, muitos sites e até livros, apontam a jogo que definiu o título como sendo o confronto paulista entre Palestra e São Paulo da Floresta, mas este aconteceu na 19ª rodada, do total de 22, com o Palestra tendo sido campeão com apenas 2 pontos de vantagem sobre o São Paulo, de modo que a afirmação correta é a de que o clássico paulista acabou dando a vantagem que definiu o título posteriormente.<ref>[http://www.rsssfbrasil.com/tablesr/rjsp1933.htm RSSSF Brasil - Torneio Rio-São Paulo de 1933.]</ref>