Abrir menu principal

Alterações

sem resumo de edição
 
==Resumo==
[[James Hunt]] fez valer sua ''pole position'' e manteve a liderança da prova até que [[Niki Lauda]] o superasse na oitava volta. A partir de então o austríaco manteve boa vantagem sobre o resto do pelotão, mas teve que diminuir o ritmo quando percebeu a queda gradativa na pressão do óleo, situação causada pelos detritos que cobriram a pista em decorrência do acidente fatal de [[Tom Pryce]], um dos quais danificou o radiador de sua [[Scuderia Ferrari|Ferrari]]. Tal circunstância permitiu uma aproximação momentânea de [[Jody Scheckter]], mas a experiência de Lauda não permitiu qualquer ataque do sul-africano, e assim eles cruzaram a linha de chegada com o piloto da [[Walter Wolf Racing|Wolf]] em segundo e [[Patrick Depailler]] em terceiro numa [[Tyrrell Racing|Tyrrell]] após superar a [[McLaren]] de Hunt.<ref>''Vitória reabilita Lauda após corrida no Japão (online). Jornal do Brasil,'' Rio de Janeiro (RJ), 06/03/1977. Primeiro caderno, Esporte, p. 46. Página visitada em 11 de janeiro de 2019.</ref>. Foi a última corrida do brasileiro José Carlos Pace na F1. Alguns dias após, sofreria um fatal acidente aéreo em SP.
 
Foi o primeiro triunfo de [[Niki Lauda]] desde o grave acidente sofrido em [[Grande Prêmio da Alemanha de 1976|Nürburgring]]<ref name=LEMBRANÇA>{{citar web || url=http://globoesporte.globo.com/motor/formula-1/livio-oricchio/noticia/2016/08/niki-lauda-por-niki-lauda-40-anos-depois-quase-morte-de-um-piloto.html || titulo= ''ORICCHIO, Livio. Niki Lauda por Niki Lauda: 40 anos depois, a "quase morte" de um piloto (globoesporte.com)''|| acessodata=11 de janeiro de 2019}}</ref> e ao comentar seu desempenho em [[Kyalami]], ele declarou: "Foi uma vitória sobre mim mesmo".<ref name="VENCEU"/>
Utilizador anónimo