Diferenças entre edições de "Apainelamento"

2 529 bytes adicionados ,  21h20min de 30 de março de 2019
Expansão do conteúdo. Inclusão total de 4 imagens do Wikicommons, e 4 referências além da original.
(Inseri 2 imagens do Wikicommons)
(Expansão do conteúdo. Inclusão total de 4 imagens do Wikicommons, e 4 referências além da original.)
[[Ficheiro:Salão principal (24209975193).jpg|miniaturadaimagem|Salão Principal da Vila Penteado, edifício Art Noveau construida no bairro paulistano de Higienópolis em 1902.]]
[[Ficheiro:Drawing, Design for a Wall Elevation with Wood Paneling, ca. 1720 (CH 18170839).jpg|miniaturadaimagem|Projeto em elevação de um apainelamento em madeira. Circa 1720.]]
[[Ficheiro:Chateau Versailles Galerie des Glaces.jpg|miniaturadaimagem|Galerie des Glaces, Palácio de Versailles, França, 1623. Profuso uso de boiseries.]]
[[Ficheiro:Modern cabinet work, furniture and fitments; an account of the theory and practice in the production of all kinds of cabinet work and furniture with chapters on the growth and progress of design and (14776963981).jpg|miniaturadaimagem|Cabine de madeira. Apainelamento em painel, porta e mobiliário.]]
O '''apainelamento''' é um ornamento tradicionalmente aplicado sobre painel de gesso, madeira ou plástico, podendo também ser usado em caixilhos, mobiliário, rodapé e forro. Apesar de possuir função decorativa, seu uso também pode ser associado a questões de comforto ambiental, já que as construções da antiguidade e idade média eram muitas vezes feitas em pedra. De origem greco-romana, teve uso corrente pela Europa e alguns países da África e Oriente Médio, tendo sido muito popular no século XVII e XVIII na França<ref>{{citar livro|título=Dictionnaire raisonné de l’architecture française du XIe au XVIe siècle (Lambris)|ultimo=VIOLLET-LE-DUC|primeiro=Eugène|editora=|ano=|local=|páginas=|acessodata=}}</ref>.
O '''apainelamento''' é um revestimento de parede em forma de [[Millwork (material de construção)| moldura]], construído a partir de componentes rígidos ou semi-rígidos.<ref>{{citar web|título=Paneling|url=http://www.britannica.com/topic/paneling|website=[[Encyclopædia Britannica]]|publicado=britannica.com|acessodata=11 de janeiro de 2016}}</ref> Estes são tradicionalmente interligados feitos em [[madeira]], mas podem ser de [[plástico]] ou outros materiais.
 
Tradicionalmente suas partes constitutivas são: banda superior; painel e parteluz (cerco, panel, mainel; livre tradução)<ref>{{citar web|url=https://www.britannica.com/|titulo=Verbete "Paneling"|data=|acessodata=30 de março de 2019|publicado=ENCYCLOPEDIA BRITANNICA|ultimo=|primeiro=}}</ref><ref>{{citar livro|título=Diccionario visual de arquitectura.|ultimo=CHING|primeiro=Francis D.K.|editora=Editorial Gustavo Gili|ano=2015|local=Naucalpan de Juárez (México)|páginas=|acessodata=}}</ref> e pode ser executado através de ranhuras, ripas, placas e molduras. Em português costuma-se referir a esses elementos como ''boiserie'' (amadeiramento ou carpintaria, em francês) ou lambri. Um tipo específico de painel chama-se sóculo, e encontra-se na parte inferior da parede, logo acima do piso, possuindo modulação própria ou de acordo com o painel da parede.
{{Referências}}
 
Originalmente inspirado em motivos clássicos, como florais e fauna, além de [[Arabesco|arabescos]], também podemos encontrá-los em formas mais geométricas, como nos lambris verticais. Largamente produzidas sobre painéis de madeira, atualmente sua aplicação costuma ser simplificada, tanto no método de instalação quanto nas formas e materiais (que incluem cimento, plástico, gesso e poliuretano<ref>{{citar web|url=https://casavogue.globo.com/Interiores/Ambientes/noticia/2016/08/paredes-decoradas-como-usar-boiseries.html|titulo=Paredes decoradas: como usar boiserie.|data=|acessodata=30 de março de 2019|publicado=|ultimo=LOTT|primeiro=Michell}}</ref>). Hoje costuma ser aplicado sobre revestimento (não mais como revestimento) e já podem ser compradas prontas, inclusive como papeis de parede, barateando sobremaneira seu acesso<ref>{{citar livro|título=Cyclopædia, or an Universal Dictionary of Arts and Sciences (first ed.)|ultimo=CHAMBERS (ed.)|primeiro=Ephraim|editora=|ano=1728|local=Londres|páginas=|acessodata=}}</ref>. {{Referências}}
{{Mínimo}}
[[Categoria:Arquitetura]]
5

edições