Diferenças entre edições de "Folheto embrionário"

13 bytes removidos ,  18h50min de 8 de abril de 2019
m
v2.01b - Corrigido usando WP:PCW (Link igual ao texto do link)
m (Inserção de imagens de autoria própria.)
m (v2.01b - Corrigido usando WP:PCW (Link igual ao texto do link))
 
Finalizada a formação da endoderme e da mesoderme, as células do epiblasto param de se movimentar e migrar pela linha primitiva. O epiblasto remanescente passa então a compor a '''ectoderme.''' A partir desse momento, a gastrulação está finalizada e a formação dos três folhetos embrionários está completa. Em conclusão, todas as camadas germinativas derivam do epiblasto durante a gastrulação.
== Derivados da Ectoderme ==
Após a sua formação, o folheto embrionário ectodérmico vai gradualmente adquirindo uma forma discoide, e se diferencia em [[Placa neural|'''[[placa neural]]''']] na região central do disco e em '''ectoderme cutânea''' na região periférica. As células da placa neural irão constituir a '''neuroectoderme.'''[[Imagem:Ectoderm.png|thumb|'''Ectoderme:''' Camada externa, dará origem à células da pele, neurônios, células pigmentadas, entre outras.]]Através de sinalizações por '''fatores''' '''de crescimento do fibroblasto (FGF)''' e inibição da atividade da '''proteína morfogenética óssea 4''' (BMP4, um membro da família do TGF-β), será iniciado o processo de [[neurulação]] por meio da '''indução da placa neural'''. O FGF é responsável pela ativação de genes que auxiliam no desenvolvimento neural e pela inibição da BMP4. Em condições normais, BMP4 induz a diferenciação da ectoderme em tecido epidérmico, porém, quando esta proteína é inativada, a ectoderme passa a se diferenciar em tecido neural.<ref name=":1" /><ref>FERNANDEZ, CASIMIRO GARCIA; GARCIA, SONIA MARIA LAUER DE. (2001). Embriologia. 2 ed. Editora Artmed.</ref>
 
Essa inibição da BMP4 é dada por moléculas que recebem o nome de '''indutores neurais,''' e tem sua expressão aumentada pelo FGF. Alguns desses indutores são as proteínas ''NOGGIN'', ''CHORDIN'' e ''FOLLISTATIN'', presentes no nó primitivo do embrião. Vale ressaltar que essas proteínas induzem a formação dos tecidos neurais do [[prosencéfalo]] e [[mesencéfalo]] apenas. O [[rombencéfalo]] e medula espinal, estruturas caudais da placa neural, tem seu desenvolvimento induzido pelas proteínas ''WNT3a'' e FGF.<ref name=":6">MAIA, G. D. (1998). Embriologia Humana. 1a ed. Rio de Janeiro. Editora Atheneu</ref><ref>KIM, B., KIM, S., SHIM, J. WOO, D. GIL, J., KIM, S. KIM, J. (2006). Neurogenic effect of vascular endothelial growth factor during germ layer formation of human embryonic stem cells. FEBS Letters, 580(25), 5869-5874. <nowiki>https://doi.org/10.1016/j.febslet.2006.09.053</nowiki></ref>