Diferenças entre edições de "Rádio (telecomunicações)"

25 bytes adicionados ,  13h23min de 9 de abril de 2019
sem resumo de edição
m (Foram revertidas as edições de 179.54.108.5 para a última revisão de Dbastro, de 23h34min de 14 de março de 2019 (UTC))
Etiqueta: Reversão
{{Ver desambig|prefixo=Se procura|outros significados da palavra|Rádio}}
{{Mais-fontes|data=novembro de 2012| arte=| Brasil=| ciência=| geografia=| música=| Portugal=| sociedade=|1=|2=|3=|4=|5=|6=}}
{{Info/Objeto/Wikidata}}
 
'''Rádio''' é um meio ou recurso [[Tecnologia|tecnológico]] de [[telecomunicações]] utilizado para propiciar [[comunicação]] por intermédio da [[Transceptor|transcepção]] de [[dados]] e [[informação|informações]] previamente [[Codificação|codificadas]] em [[Radiação eletromagnética|sinal eletromagnético]] que se [[propagação|propaga]] através do [[espaço físico]] [[matéria|material]] e [[vácuo|imaterial]].
 
Uma estação de radiocomunicações é o sistema utilizado para executar contatos à distância entre duas estações. É composta basicamente por um transceptor (transmissor-receptor) de radiocomunicações, uma linha de transmissão e a [[antena]] propriamente dita. A este sistema dá-se o nome "sistema irradiante".
 
[[Imagem:Amfm3-en-de.gif|thumb|right|O sinal de rádio (acima) em ondas de AM e FM.]]
 
A [[radiodifusão]] é uma emissão comercial, que ocorre apenas por transmissão de sinais, sem sua transcepção. Geralmente não há recursos disponíveis nas estações que operam em [[modulação em amplitude]] (AM): apenas o importante [[rádio digital]], um importante ganho para esse tipo de estação. Recursos tais como som estéreo e [[Radio Data System]] (RDS) ainda são exclusividade das estações que operam em [[modulação em frequência]] (FM).
No [[Brasil]], inicialmente apenas [[militar]]es poderiam ter aparelhos de rádio. A lei foi [[revogação|revogada]] por [[Francisco Sá]]<ref>http://alaic.net/ponencias/UNIrev_Simis.pdf</ref>, e a primeira transmissão [[civil]] foi realizada no dia 6 de abril de 1919, a partir de um [[estúdio]] improvisado na [[Ponte d'Uchoa]], no [[Recife]], pela PRA 8, [[Rádio Clube de Pernambuco]], tendo, à frente, o radiotelegrafista Antônio Joaquim Pereira. Sobre este fato, o [[Jornal do Recife]] (já extinto) noticiou, no dia 7 de abril de 1919:
{{quote|Consoante convocação anterior, realizou-se ontem na Escola Superior de Electricidade, a fundação do Rádio Clube, sob os auspícios de uma plêiade de moços que se dedicam ao estudo da electricidade e da telegrafia sem fio. Ninguém desconhece a utilidade e proveito dessa agremiação, a primeira do gênero fundada no País.}}
 
[[Imagem:Amfm3-en-de.gif|thumb|right|O sinal de rádio (acima) em ondas de AM e FM.]]
 
Idealizada, construída, operada e direcionada para um grupo [[elite|elitista]], a emissora não teve muita repercussão, por não existirem receptores nas residências àquela época.
 
Utilizador anónimo