Diferenças entre edições de "Espécie pouco preocupante"

151 bytes adicionados ,  03h08min de 14 de abril de 2019
Resgatando 1 fontes e marcando 0 como inativas. #IABot (v2.0beta14)
m (traduzindo nome/parâmetro nas citações usando script)
(Resgatando 1 fontes e marcando 0 como inativas. #IABot (v2.0beta14))
Espécies não podem ser consideradas nesta categoria a menos que tenham sido avaliadas. Ou seja, adequada informação, direta ou indireta, sobre seu risco de [[extinção]] deve estar disponível, baseando-se em distribuição geográfica e população.
 
Desde 2001 a categoria passou a ter a abreviação "LC", seguindo os critérios da IUCN 2001 (versão 3.1).<ref>{{citar web
{{citar web|url=http://jr.iucnredlist.org/documents/redlist_cats_crit_en.pdf|título=2001 Categories & Criteria (version 3.1)|obra=The IUCN Red List of Threatened Species|acessodata=2015-05-22 }}<|arquivourl=https:/ref> Entretanto, cerca de 20% dos taxa (3261 of 15636) do banco de dados da IUCN usam o código "LR/lc", o que indicam que que essas espécies não foram reavaliadas desde o ano 2000web. Antes de 2001, "pouco preocupante" era uma subcategoria de "Baixo risco"archive.org/web/20160128190606/http://jr.iucnredlist.org/documents/redlist_cats_crit_en.pdf|arquivodata=2016-01-28|urlmorta=yes}}
</ref> Entretanto, cerca de 20% dos taxa (3261 of 15636) do banco de dados da IUCN usam o código "LR/lc", o que indicam que que essas espécies não foram reavaliadas desde o ano 2000. Antes de 2001, "pouco preocupante" era uma subcategoria de "Baixo risco".
 
==Ver também==
226 962

edições