Abrir menu principal

Alterações

==Morte, funeral e eventos posteriores==
 
Na noite do dia 28 de fevereiro de 1953, Stalin viu um filme no Kremlin, juntamente com [[Kruschev]], [[Bulganin]], [[Malenkov]] e [[Beria]]. Depois disso, todos o acompanharam até a [[dacha]] de Stalin em [[Kutsevo]], nos arredores de Moscou, onde jantaram juntos. Stalin costumava acordar tarde e havia uma ordem de nunca acordá-lo, portanto seus seguranças hesitaram em entrar em seu quarto, o que somente ocorreu à 18 h e 30 min do dia 1º de março, quando o encontraram desacordado no chão<ref name="ggn">[https://jornalggn.com.br/historia/a-misteriosa-morte-de-stalin/ A misteriosa morte de Stalin], acesso em 19 de abril de 2019.</ref>.
 
Em 1 de março de 1953, a equipe pessoal de Stalin encontrou-o semi-consciente no chão do quarto de sua [[Datcha de Kuntsevo|datcha de Volynskoe]].{{sfnm|1a1=Conquest|1y=1991|1p=311|2a1=Volkogonov|2y=1991|2pp=571–572|3a1=Service|3y=2004|3pp=582–584|4a1=Khlevniuk|4y=2015|4pp=142, 191}} Ele havia sofrido uma [[hemorragia cerebral]].{{sfn|Conquest|1991|p=312}} Ele foi movido para um sofá e permaneceu lá por três dias.{{sfnm|1a1=Conquest|1y=1991|1pp=311–312|2a1=Volkogonov|2y=1991|2p=572|3a1=Khlevniuk|3y=2015|3p=142}} Ele foi alimentado à mão com uma colher, recebeu vários remédios e injeções, e [[sanguessugas]] foram aplicadas a ele.{{sfn|Conquest|1991|p=312}} Svetlana e Vasily foram chamados à dacha em 2 de março; o último estava bêbado e gritou com raiva para os médicos, resultando em ele ser mandado para casa.{{sfnm|1a1=Conquest|1y=1991|1p=312|2a1=Khlevniuk|2y=2015|2p=250}} Stalin morreu em 5 de março de 1953.{{sfnm|1a1=Conquest|1y=1991|1p=313|2a1=Volkogonov|2y=1991|2p=574|3a1=Service|3y=2004|3p=586|4a1=Khlevniuk|4y=2015|4p=313}} Segundo Svetlana, foi "uma morte difícil e terrível".{{sfnm|1a1=Conquest|1y=1991|1p=313|2a1=Khlevniuk|2y=2015|2pp=313–314}} Uma [[autópsia]] revelou que ele havia morrido de uma hemorragia cerebral e que ele também sofria de graves danos a suas artérias cerebrais devido à [[aterosclerose]].{{sfn|Khlevniuk|2015|p=189}} É possível que Stalin tenha sido assassinado.{{sfn|Service|2004|p=587}} Beria foi suspeito de assassinato, embora nenhuma evidência firme tenha aparecido.{{sfn|Conquest|1991|p=312}}
[[Imagem:Stalin's casket on howitzer carriage draught by horses.jpg|miniatura|Caixão de Stalin sendo puxado por uma carruagem durante seu funeral]]
A morte de Stalin foi anunciada em 6 de março.{{sfn|Service|2004|p=588}} O corpo foi embalsamado{{sfnm|1a1=Service|1y=2004|1p=588|2a1=Khlevniuk|2y=2015|2p=314}} e depois exposto na Casa dos Sindicatos de Moscou por três dias.{{sfn|Khlevniuk|2015|p=317}} Multidões eram tais que um [[pisoteamento]] matou cerca de 100 pessoas.{{sfnm|1a1=Service|1y=2004|1p=588|2a1=Khlevniuk|2y=2015|2p=317}} O funeral envolveu o enterro do corpo no [[Mausoléu de Lenin]], na Praça Vermelha, em 9 de março; centenas de milhares compareceram.{{sfnm|1a1=Volkogonov|1y=1991|1p=576|2a1=Service|2y=2004|2p=589|3a1=Khlevniuk|3y=2015|3p=318}} Naquele mês, houve uma onda de detenções por "agitação anti-soviética", quando os que celebravam a morte de Stalin chamaram a atenção da polícia.{{sfn|Khlevniuk|2015|p=319}} O governo chinês instituiu um período oficial de luto pela morte de Stalin.{{sfn|Li|2009|p=75}}
 
=== Teorias sobre o assassinato de Stálin ===
 
Segundo o historiador russo Edvard Radzinski, Stalin foi envenenado pelo chefe da guarda a mando de seus principais auxiliares: Kruschev, Malenkov, Bulganin e Beria, pois estaria preparando um novo expurgo, pouco antes mandara executar os médicos judeus que tratavam dele por achar que estavam conspirando para matá-lo<ref name="ggn"/>.
 
=== Sucessão de Stalin ===
30 717

edições