Diferenças entre edições de "Guarda Suíça"

183 bytes adicionados ,  04h49min de 20 de abril de 2019
Resgatando 1 fontes e marcando 0 como inativas. #IABot (v2.0beta14)
(→‎História: Corrigiu gramática)
Etiquetas: Edição via dispositivo móvel Edição via aplic. móvel
(Resgatando 1 fontes e marcando 0 como inativas. #IABot (v2.0beta14))
A língua oficial da Guarda Suíça é o [[língua alemã|alemão]]. O seu lema é "Com coragem e fidelidade" (em [[latim]]: ''Acriter et fideliter'') e tem como [[patrono]]s [[Martinho de Tours|São Martinho]] (festa em [[11 de novembro]]), [[São Sebastião]] (festa em [[20 de janeiro]]) e [[Niklaus von Flüe|São Nicolau von Flüe]], "Defensor Pacis et pater patriae" ([[orago]] da Suíça, com festa em [[25 de setembro]]).
 
Entre as suas tarefas encontram-se a prestação de serviços diversos para o Papa, tais como a guarda em visitas de autoridades estrangeiras, o acompanhamento e assistência ao Papa durante viagens internacionais ou a prestação, à paisana, de serviços de segurança do Papa, ocasião em que os guardas se misturam com as multidões na [[Praça de São Pedro]]. Nesse caso os soldados da Guarda Suíça servem como [[guarda-costas]], estando equipados com armamento variado e modernos equipamentos de comunicação.<ref name="athoele">{{citar web |url=http://www.athoele.com/database/index.php?option=com_content&task=view&id=315&Itemid=41 |título=Eles dariam a vida pelo Papa (III) |acessodata=8 de maio de 2010 |arquivourl=https://web.archive.org/web/20120106004123/http://www.athoele.com/database/index.php?option=com_content&task=view&id=315&Itemid=41 |arquivodata=2012-01-06 |urlmorta=yes }}</ref>
 
==História==
226 962

edições