Diferenças entre edições de "Hipervitaminose"

309 bytes adicionados ,  09h58min de 21 de abril de 2019
Resgatando 2 fontes e marcando 0 como inativas. #IABot (v2.0beta14)
m (Eliminada em EC)
(Resgatando 2 fontes e marcando 0 como inativas. #IABot (v2.0beta14))
'''Hipervitaminose''', ou '''envenenamento por vitamina''', refere-se à condição de armazenamento de altos níveis de [[vitamina]]s, que podem levar a sintomas tóxicos. Os nomes médicos das diferentes condições são derivados da vitamina envolvida: um excesso de vitamina A, por exemplo, é chamado de ''[[hipervitaminose A]]''.
 
Alta dosagem de [[vitamina A]]; alta dosagem, liberação lenta de [[Vitamina B3|vitamina B<sub>3</sub>]]; e dosagem muito alta de [[Vitamina B6|vitamina B<sub>6</sub>]] isolada (isto é, sem o complexo de vitamina B) são algumas vezes associadas com efeitos colaterais de vitamina, que normalmente rapidamente cessam com a redução ou interrupção do suprimento. Por outro lado, certas vitaminas não produzem toxicidade em níveis excessivos. A [[vitamina C]] tem sido utilizadas em dosagens acima de 100.000 [[miligrama|mg]] no tratamento de doenças graves — mais de 1000 vezes acima da dose diária recomendada — sem efeitos tóxicos. Porém, a vitamina C tem em forte efeito [[Laxante|laxativo]], tipicamente quando a dosagem de vitamina C está na faixa de 5-20 gramas por dia para uma pessoa com "boa saúde".<ref>[http://www.orthomed.com/titrate.htm Vitamin C, Titrating To Bowel Tolerance, Anascorbemia, And Acute Induced Scurvy] {{Wayback|url=http://www.orthomed.com/titrate.htm |date=20130428083244 }} Robert F. Cathcart, III, M.D. 1994</ref>
 
Altas doses de suplementos minerais podem também causar efeitos colaterais e intoxicação. Envenenamento por suplementos minerais ocorre ocasionalmente devido ao excesso e incomum dosagem de suplementos que contenham [[ferro]], incluindo algumas [[multivitamina]]s, mas isto não é comum.
 
== Estatísticas comparativas de segurança ==
Caso de [[morte]] por envenenamento por vitamina é raro nos [[Estados Unidos da América]], quase nenhum acontecimento anual. Contudo, antes de 1998 diversas mortes por ano estavam associadas com suplementos farmacêuticos que continham ferro, especialmente os de cores brilhantes, cobertos de [[açúcar]], suplementos com altas doses de [[ferro]], e a maioria das mortes eram de [[criança]]s.<ref>{{Citar web |url=http://archpedi.ama-assn.org/cgi/content/full/159/6/557 |titulo=Arch Pediatr Adolesc Med - Unit-Dose Packaging of Iron Supplements and Reduction of Iron Poisoning in Young Children, June 2005, Tenenbein 159 (6): 557<!-- Titulo gerado automáticamente -->|acessodata= [[28 de Outubro]] de [[2009]] }}</ref> Restrições nas embalagens de suplementos com mais de 30&nbsp;mg de ferro têm desde então reduzido as mortes para 0 ou 1 por ano.<ref>{{Citar web |url=http://archpedi.ama-assn.org/cgi/content/full/159/6/557/POA40361T1 |titulo=Arch Pediatr Adolesc Med - Unit-Dose Packaging of Iron Supplements and Reduction of Iron Poisoning in Young Children, June 2005, Tenenbein 159 (6): 557, Figure OA40361T1<!-- Titulo gerado automáticamente -->|acessodata= [[28 de Outubro]] de [[2009]] }}</ref> Estas estatísticas comparam com 59 mortes devido ao envenenamento por [[aspirina]] em 2003,<ref name=autogenerated1>{{Citar web |url=http://www.aapcc.org/Annual%20Reports/03report/Annual%20Report%202003.pdf |titulo=Cópia arquivada |acessodata=2007-09-16 |arquivourl=https://web.archive.org/web/20070928000236/http://www.aapcc.org/Annual%20Reports/03report/Annual%20Report%202003.pdf |arquivodata=2007-09-28 |urlmorta=yes }}</ref> 147 mortes associadas com produtos que contêm [[acetaminofeno]] em 2003,<ref name=autogenerated1 /> e uma média de 54 mortes por ano devido a [[raio]]s de 1990 a 2003.<ref>{{Citar web |url=http://www.lightningsafety.com/nlsi_lls/fatalities_us.html |titulo=Lightning Fatalities, Injuries, and Damage Reports in the United States - National Lightning Safety Institute<!-- Titulo gerado automáticamente -->|acessodata= [[28 de Outubro]] de [[2009]] }}</ref>
 
== {{Ver também}} ==
230 307

edições