Diferenças entre edições de "Radio Corporation of America"

591 bytes adicionados ,  18h06min de 26 de abril de 2019
Revisando; retirando trecho sem fontes; recategorizando; traduzindo e referenciando; retirando marca. Artigo refere-se à RCA Corporation, não à RCA Records (antes RCA Victor). Assim, não é sobre uma gravadora.
m (Desfeita(s) uma ou mais edições de 168.194.14.38, com Reversão e avisos)
(Revisando; retirando trecho sem fontes; recategorizando; traduzindo e referenciando; retirando marca. Artigo refere-se à RCA Corporation, não à RCA Records (antes RCA Victor). Assim, não é sobre uma gravadora.)
{{Nota:|Se procura pela gravadora, consulte [[RCA Records]].}}
{{Sem-fontes|música=sim|data=agosto de 2011| angola=| arte=| Brasil=| ciência=| geografia=| música=| Portugal=| sociedade=|1=|2=|3=|4=|5=|6=}}
{{Info/Empresa/Wikidata}}
| nome_empresa = RCA Corporation
| logo = Radio-Corporation-of-America-Logo.svg
| tipo = Corporação
| sede = [[Nova Iorque]], [[Nova Iorque (estado)|NY]]
| atividade = [[Eletrônica|Eletrônicos]] e [[Comunicação de massa]]
| fundacao = 1919
| fundador = [[General Electric]]
| destino = Adquirida pela [[General Electric]] e liquidada
| encerramento = 1986
| area_servida = Todo o mundo
| proprietario = [[General Electric]] (1919-1932 e 1986)
| principais_pessoas = [[Owen Young]] e [[David Sarnoff]]
| num_empregados =
| produtos =
| holding =
| antecessora =
| sucessora = {{Lista simples|
* [[General Electric]]
* ''Technicolor Motion Picture Corporation''
* [[Sony Music]]
}}
| website = {{url|www.rca.com}}
}}
'''Radio Corporation of America''', também conhecida como '''RCA''' ou '''RCA Corporation''' (a partir de 1969), foi uma empresa [[Estados Unidos|norte-americana]] de [[Eletrônica|eletrônicos]], cuja fundação data de 1919.<ref>{{citar web |URL=https://babel.hathitrust.org/cgi/pt?id=wu.89074767138;view=1up;seq=191 |título=History of Radio to 1926 |autor=Gleason L. Archer |data=1938 |publicado=Hathi Trust Digital Library |acessodata=26-04-2019}}</ref> Inicialmente, foi fundada como uma [[subsidiária]] da [[General Electric]] que, em 1932, tornou-se independente devido a uma ação antitruste do governo americano.<ref>{{citar web |URL=https://archive.org/stream/bigbusinessradio00archrich#page/364/mode/1up/ |título=The Consent Decree |autor=Gleason L. Archer |data=1939 |publicado=Big Business and Radio |acessodata=26-04-2019}}</ref>
 
Pioneira no setor de [[telecomunicação|telecomunicações]], dominou o mercado de eletrônicos e de comunicação nos Estados Unidos por mais de 5 décadas. Nos [[década de 1920|anos 1920]], foi uma das maiores fabricantes de aparelhos receptores de rádio, mantendo-se no topo da crescente indústria do rádio. Na mesma época, fundou a primeira rede de rádio dos Estados Unidos, a [[National Broadcasting Company|National Broadcasting Company (NBC)]].<ref>{{citar web |URL=https://babel.hathitrust.org/cgi/pt?id=uc1.$b78643;view=1up;seq=17 |título=Early History of Network Broadcasting |autor=Federal Communications Commission |data=maio de 1941 |publicado=Hathi Trust Digital Library |acessodata=26-04-2019}}</ref> Nas décadas seguintes, tornou-se, também, pioneira na introdução e no desenvolvimento da televisão, tanto em preto e branco quanto [[Televisão em cores|em cores]]. Neste período de ascensão e dominância no mercado, a empresa ficou identificada com a liderança de [[David Sarnoff]]: gerente geral quando a empresa foi fundada, tornou-se presidente em 1930 e continuou na ativa mesmo após a sua presidência, como membro do conselho até o ano de 1969.<ref>''David Sarnoff'' by Eugene Lyons, 1966, page 190.</ref>
'''Radio Corporation of America''', também conhecida como '''RCA''', foi uma empresa [[Estados Unidos|norte-americana]] cuja fundação data de 1919, que era pioneira no setor de [[telecomunicação|telecomunicações]].
 
A empresa entrou em decadência em meados dos [[década de 1970|anos 1970]], quando tentou diversificar e expandir suas operações em um [[Grupo empresarial|conglomerado]]. Assim, a empresa sofreu com enormes perdas no mercado de computadores, com diversos projetos que terminaram em fracasso. Em 1986, a RCA foi readquirida pela General Electric que liquidou as diversas empresas do grupo nos anos subsequentes. Hoje em dia, a RCA existe apenas como [[Marca registrada|marcas registradas]] pertencentes à [[Sony Music]] (a [[RCA Records]], principalmente) e à ''Technicolor Motion Picture Corporation'', que as licenciam para outras empresas.<ref>{{citar web |URL=https://books.google.com.br/books?id=JMTnTBmt7F0C&pg=PA212&lpg=PA212&dq=rca+%2B+%22broadcast+systems%22+%2B+1985&source=bl&ots=T8WAeIglE5&sig=dzT0Yo7iCCf2YVXUIN9bPdDEI5g&hl=en&sa=X&ei=CilwVaaHOtGZyAS3lYBY&redir_esc=y#v=onepage&q=rca%20%2B%20%22broadcast%20systems%22%20%2B%201985&f=false |título=The History of Television, 1942 to 2000 |autor=Albert Abramson |data=2003 |publicado=Google books |acessodata=26-04-2019}}</ref>
Em 1929 a RCA comprou a [[Victor Talking Machine Company]], fundada em [[1901]], formando a '''RCA Victor''', o mais antigo selo fonográfico da [[América]]. O selo era facilmente identificado pelo famoso [[logotipo]] de um [[Canis lupus familiaris|cachorro]], chamado "Nipper", que olha atentamente para uma concha acústica de um [[fonógrafo]] e escuta a chamada ''Voz do Dono" - His Master's Voice''.
 
{{referências}}
A RCA Victor foi responsável pela mais famosa transação comercial da [[história]] da [[música]], quando, em [[1955]], adquiriu o contrato de exclusividade de [[Elvis Presley]] da [[Sun Records]] por 35 mil [[dólar]]es. Outros artistas famosos incluem [[Enrico Caruso]], [[Little Richard]], [[Jefferson Airplane]], [[David Bowie]], [[Scorpions]], [[The Main Ingredient]], [[Avril Lavigne]], [[Kesha]], [[Adam Lambert]], [[Christina Aguilera]], [[Sam Cooke]] e [[Foo Fighters]] também foram exclusivos da RCA.
 
Em 1987, a RCA Victor foi vendida ao grupo [[Alemanha|alemão]] '''[[Bertelsmann]]''', a [[BMG]], passando a se chamar [[BMG/Ariola]] (por um breve período em 1987 foi denominada [[RCA/Ariola]]) e mais tarde BMG. Em 2004, houve a fusão da BMG com a gravadora japonesa [[Sony Music]], formando assim a [[Sony BMG]]. Em 2008, o grupo Bertelsmann vendeu sua parte à Sony Music, que rebatizou a Sony BMG apenas como Sony Music.
 
== RCA no Brasil ==
[[Ficheiro:RCA Victor brazilian propaganda carnival 1942.png|miniaturadaimagem|Anúncio de 1942 do fonógrafo e principais artistas, dentre os quais [[Carlos Galhardo|Galhardo]], [[Linda Batista]], [[Silvio Caldas]], [[Orlando Silva]], [[Aracy de Almeida]] e [[Nelson Gonçalves]].]]
No Brasil, seu recordista em vendas de discos foi [[Nelson Gonçalves]], que permaneceu na gravadora desde 1941 até o final de sua vida em 1998. O cantor havia vendido cerca de 78 milhões de cópias até aquele ano.
 
A RCA Brasil já contratou vários talentos brasileiros como [[Vanusa]], [[Carmen Miranda]], [[Luiz Gonzaga]], [[Cauby Peixoto]], [[Chico Buarque]], [[Engenheiros do Hawaii]], [[Latino (cantor)|Latino]], [[Eliana (apresentadora)|Eliana]], [[Carlos Gonzaga]], [[Jacob do Bandolim]], [[Sergio Reis]], [[Os Incríveis (banda)|Os Incríveis]], [[The Fevers]], [[Patrícia e Luciano]], [[Trem da Alegria]], [[Fafá de Belém]], [[Bruno & Marrone]], [[Bezerra da Silva]], [[Obina Shock]], [[Genival Lacerda]], [[José Augusto (cantor)|José Augusto]], [[Maria Creuza]], [[Sá e Guarabira]], [[Gal Costa]], [[Maria Bethânia]], [[Roupa Nova]] e a [[Perla]] (a cantora paraguaia), que graças ao próprio esforço e à gravadora vendeu mais de 30 milhões de discos.
 
A RCA também é conhecida no Brasil por ter ajudado a implantar a televisão no Brasil em [[1950]], graças à iniciativa de [[Assis Chateubriand]].
 
A RCA Records trouxe ao Brasil a distribuição das gravadoras [[RCA Records]], [[RCA Victor|Victor]], Bluebird, [[Virgin Records]] e Red Seal e [[Som Livre]]
 
A RCA Records Brasil foi incorporada em 1987 à BMG, fundando assim a BMG Ariola Discos Ltda, depois, BMG Brasil Ltda. que em 2004 se fundiu com a [[Sony Music Brasil]] e formou a [[Sony BMG Music Entertainment|Sony BMG Music Brasil]].
 
== Ver também ==
 
* [[Conector RCA]]
* [[RCA Records]]
 
{{Esboço-músicaempresa}}
{{Portal3|MúsicaEstados Unidos}}
 
{{DEFAULTSORT:Radio Corporation America}}
[[Categoria:Gravadoras dos Estados Unidos]]
[[Categoria:Membros da IFPI]]
[[Categoria:Empresas fundadas em 19291919]]