Abrir menu principal

Alterações

Resgatando 1 fontes e marcando 0 como inativas. #IABot (v2.0beta14)
 
== Campanhas ==
Em todo o mundo, a ''junk food'' tem sido alvo de campanhas governamentais que visam restabelecer o consumo de alimentos saudáveis. Em [[2006]] no [[Reino Unido]], após uma campanha publicitária estrelada pelo [[chef]] [[Jamie Oliver]] e sob a ameaça de ações legais por parte do ''National Heart Forum'',<ref>''[[The Guardian]]'' (Felicity Lawrence) [http://www.guardian.co.uk/food/Story/0,,1803112,00.html Heart campaigners drop case over junk food ad ban] 22 de Junho de 2006</ref> o ''Ofcom'', órgão britânico responsável pela regulação da publicidade, iniciou uma consulta pública sobre o [[marketing]] direcionado à venda de alimentos e bebidas industrializados para crianças.<ref>[{{Citar web |url=http://www.ofcom.org.uk/consult/condocs/foodads/ |titulo=Television advertising of food and drink products to children - Options for new restrictions] |acessodata=2008-02-13 |arquivourl=https://web.archive.org/web/20080223194746/http://www.ofcom.org.uk/consult/condocs/foodads/ |arquivodata=2008-02-23 |urlmorta=yes }}</ref> Como resultado, os anúncios destinados às crianças foram banidos dos horários de exibição de programas infantis.<ref name="BBC News 4">{{citar jornal|título= Junk food ad crackdown announced |publicado= [[BBC News]] |data= 2006-11-17 | url = http://news.bbc.co.uk/1/hi/health/6154600.stm |acessodata= 2006-11-28}}</ref> A proibição incluiu o ''[[marketing]]'' usando [[celebridade]]s, personagens de [[desenho animado]] e afirmações quanto à saúde e nutrição.
 
== Ver também ==
216 801

edições