Diferenças entre edições de "Memória virtual"

18 bytes removidos ,  17h34min de 8 de maio de 2019
desfeita alterações que não condizem com o tema em questão e erros de concordância verbal
(Pequena alteração)
(desfeita alterações que não condizem com o tema em questão e erros de concordância verbal)
[[Imagem:VirtualMem01.png|thumb|250px|O programa acha que tem uma grande gama de endereços contíguos, mas, na realidade, as partes que está a utilizar estão dispersas em torno da [[RAM]] e as partes inactivas são guardadas em um arquivo em disco.]]
 
'''Memória virtual''' é uma técnica que usa a [[memória secundária]] como uma [[cache]] para armazenamento secundário. Houve duas motivações principais: permitir o compartilhamento seguro e eficiente da memória entre vários programas e remover os transtornos de programação de uma quantidade pequena e limitada na memória principal.
 
A '''memória virtual''' consiste em recursos de ''[[hardware]]'' e ''[[software]]'' com três funções básicas:<ref>HENESSY, John L.; PATTERSON, David A. '''Arquitetura de computadores: uma abordagem quantitativa'''. Cap. 5. Rio de Janeiro: Campus, 2003.</ref><ref name="tanenbaum">TANENBAUM, Andrew S. '''Sistemas operacionais modernos'''. Cap. 3. Rio de Janeiro: LTC. 1999.</ref>
 
== Paginação para principiantes ==
Para o usuário que está com pouca memória [[RAM]], paginação é muito útil pois possibilita que os seus programas utilizem um tamanho à sua escolha para usar como uma memória "RAM" virtual. Mas caso a memória do programa exceda a memória real do seu sistema, apenas as partes mais utilizadas pelo processo atual estarão na memória, enquanto o resto ficará armazenado no disco rígido. Para com isso Pedro Borges
 
Como o disco rígido é um hardware mais lento do que a memória RAM, essa memória virtual que foi dimensionada não será igual como se estivesse a utilizar uma memória RAM normal no computador.<ref>
Utilizador anónimo