Diferenças entre edições de "Urologia"

5 bytes removidos ,  20h50min de 8 de maio de 2019
"pessoas designadas como homens ao nascer" dá muitas voltas e possui discurso ideológico de gênero. Melhor seria "pessoas do sexo masculino", direto e mais simples (15 caracteres).
(mudei 'homem' para 'pessoas designadas como homens ao nascer' pois a primeira alegação ignora as pessoas transgênero.)
("pessoas designadas como homens ao nascer" dá muitas voltas e possui discurso ideológico de gênero. Melhor seria "pessoas do sexo masculino", direto e mais simples (15 caracteres).)
Etiquetas: Editor Visual Possível resumo indevido Possível conteúdo ofensivo
[[Imagem:Rtu.jpg|thumb|right|282px|<center> {{PAGENAME}}</center>]]
 
'''Urologia''' é uma [[especialidades médicas|especialidade]] [[cirúrgica]] da [[medicina]] que trata do [[trato urinário]] de homens e de mulheres e do [[sistema reprodutor]] das [[Macho|pessoas designadasdo comosexo homens ao nascermasculino]]. Os médicos que possuem especialização nesta área são os '''urologistas''', sendo treinados para diagnosticar, tratar e acompanhar pacientes com distúrbios urológicos. Os órgãos estudados pelos urologistas incluem os [[rins]], [[ureter]]es, [[bexiga urinária]], [[uretra]] e os órgãos do sistema reprodutor masculino ([[testículo]]s, [[epidídimo]]s, [[ducto deferente]], [[vesículas seminais]], [[próstata]] e [[pênis]]). As [[adrenais]] acabaram entrando na especialidade devido ao aspecto cirúrgico das doenças tumorais das supra-renais. Quando tem indicação cirúrgica de tumor de supra-renal o [[endocrinologista]] encaminha para o urologista.
 
Nos homens, o [[sistema urinário]] está integrado com o [[sistema reprodutor]], ao passo que nas mulheres o trato urinário se abre na [[vulva]]. Em ambos os sexos, os tratos urinário e reprodutor estão próximos, o que faz com que os distúrbios de um trato geralmente afetem o outro. A urologia combina o acompanhamento de condições não-cirúrgicas como, por exemplo, [[infecções do trato urinário]], e de condições cirúrgicas, como a correção de anomalias congênitas e o tratamento cirúrgico de cânceres. Estas anomalias na região genital são conhecidas como '''distúrbios geniturinários'''.
1

edição