Diferenças entre edições de "O Êxtase de Santa Teresa"

548 bytes adicionados ,  14h15min de 10 de maio de 2019
Resgatando 3 fontes e marcando 0 como inativas. #IABot (v2.0beta14)
(Resgatando 3 fontes e marcando 0 como inativas. #IABot (v2.0beta14))
Todo o conjunto foi supervisionado e completado por um Bernini maduro durante o papado de [[Inocêncio X]]. Quando Inocêncio aderiu ao trono papal, ele evitou os serviços artísticos de Bernini; o escultor foi o artista favorito do anterior e libertino Papa Barberini. Sem o patrocínio papal, os serviços do ateliê de Bernini estavam, portanto, à disposição de um patrono como o cardeal veneziano Federico Cornaro ([[1579]]-[[1653]]).
 
Cornaro escolheu a igreja das Carmelitas Descalças, que até então era pouco notável, para sua capela funerária. O local escolhido para a capela foi o transepto esquerdo, que anteriormente tinha uma imagem de 'São Paulo em Êxtase', que foi substituída pela dramatização de Bernini de uma experiência religiosa sofrida e relatada pela primeira santa carmelita descalça, que havia sido canonizada não muito tempo antes, em [[1622]]. [2] Foi completada em 1652 pela então principesca soma de 12.000 [[Escudo (moeda)|escudos]].<ref>Corresponding to c. $120,000 [http://www.thamesandhudson.com/books/Italian_Baroque_Sculpture/0500203075.mxs/37/31/ Italian Baroque Sculpture : Books : Thames & Hudson<!-- Bot generated title -->] {{Wayback|url=http://www.thamesandhudson.com/books/Italian_Baroque_Sculpture/0500203075.mxs/37/31/ |date=20051228222344 }}</ref>
 
== O grupo escultórico e sua ambientação ==
*A escultura é o tema da música "The Lie" do álbum de Peter Hammill, The Silent Corner e Empty Stage.<ref>{{citar web|url=http://www.explosant-fixe.com/miscellanees/the-lie-berninis-saint-theresa-de-peter-hammill/ |título=Archived copy |acessodata=2011-10-20 |urlmorta= sim|arquivourl=https://web.archive.org/web/20120425082000/http://www.explosant-fixe.com/miscellanees/the-lie-berninis-saint-theresa-de-peter-hammill/ |arquivodata=2012-04-25 |df= }}</ref>
*Em Infinite Jest, de David Foster Wallace, a escultura desempenha um papel na filmografia de James O. Incandenza, Jr. Wallace também alude a ela em três cenas adicionais envolvendo Joelle.<ref>{{citar web|url=http://infinitedetox.wordpress.com/2009/08/20/a-field-guide-to-occurrences-of-berninis-ecstasy-of-st-teresa-in-infinite-jest/|título=A Field Guide to Occurrences of Bernini’s Ecstasy of St. Teresa in Infinite Jest - Infinite Detox|obra=Infinite Detox}}</ref>
*O artista de rua Banksy usou a imagem de Santa Teresa em uma de suas obras, embora tenha removido a figura angélica e adicionado uma refeição de fast food.<ref>{{citar web|url=http://www.banksy.co.uk/outdoors/images/landscapes/macdonna.jpg%7ctitle=Banksy%7cwork=banksy.co.uk%7ctitle=Banksy%7cwork=banksy.co.uk|título=Banksy|obra=banksy.co.uk|acessodata=2018-06-10|arquivourl=https://web.archive.org/web/20160304030021/http://www.banksy.co.uk/outdoors/images/landscapes/macdonna.jpg%7Ctitle=Banksy%7Cwork=banksy.co.uk%7Ctitle=Banksy%7Cwork=banksy.co.uk|arquivodata=2016-03-04|urlmorta=yes}}</ref>
*A escultura e a sua imagem são frequentemente referidas no romance Cutting For Stone de Abraham Verghese.
 
*{{citar livro|primeiro =Howard |último =Hibbard|título=Bernini}}
*{{citar livro|autor = Robert Harbison |ano=2000 |título= Reflections on Baroque |capítulo= The Case for Disruption | editor= | others= |páginas= 1–32 |publicado= The University of Chicago Press | id= | url= |autorlink = }}
*{{citar livro|autor = Bruce Boucher|ano=1998|título= Italian Baroque Sculpture|capítulo= | editor= Thames & Hudson, World of Art| others= |páginas= 134–143 |publicado= | id= | url= http://www.thamesandhudson.com/books/Italian_Baroque_Sculpture/0500203075.mxs/37/31/ |autorlink = |acessodata=2013-06-20|arquivourl=https://web.archive.org/web/20051228222344/http://www.thamesandhudson.com/books/Italian_Baroque_Sculpture/0500203075.mxs/37/31/|arquivodata=2005-12-28|urlmorta=yes}}
* [http://www.wga.hu/frames-e.html?/bio/b/bernini/gianlore/biograph.html Bernini biography] (click on "Ecstasy of St Teresa")
 
226 962

edições