Diferenças entre edições de "Quilombo dos Palmares"

627 bytes adicionados ,  12h06min de 16 de maio de 2019
Resgatando 6 fontes e marcando 0 como inativas. #IABot (v2.0beta14)
m (Desfeita(s) uma ou mais edições de 177.133.94.49, com Reversão e avisos)
(Resgatando 6 fontes e marcando 0 como inativas. #IABot (v2.0beta14))
| image1=Mirante serra da barriga.jpg|caption1=Mirante da [[Serra da Barriga]].
| image2=Lagoa dos Negros.jpg|caption2=Lagoa Encantada dos Negros, onde os quilombolas palmarinos repousavam e saciavam a sede, afiavam suas armas e ferramentas, e, de acordo com suas crenças, alimentavam suas almas com a presença do supremo através da energia da natureza à sombra da [[gameleira-branca|gameleira]].
| image3=Capoeira no Parque Memorial Quilombo dos Palmares.jpg|caption3=O Quilombo dos Palmares é considerado o berço da [[capoeira]].<ref>{{citar web|url=http://www.cultura.gov.br/o-dia-a-dia-da-cultura/-/asset_publisher/waaE236Oves2/content/estado-e-exaltado-em-festa-nacional-161433/10883|título=Estado é exaltado em festa nacional|publicado=Ministério da Cultura|acessodata=19-6-2017|arquivourl=https://web.archive.org/web/20181117151214/http://www.cultura.gov.br/o-dia-a-dia-da-cultura/-/asset_publisher/waaE236Oves2/content/estado-e-exaltado-em-festa-nacional-161433/10883|arquivodata=2018-11-17|urlmorta=yes}}</ref>
}}
=== Antecedentes ===
As primeiras referências a um quilombo na região remontam a 1580, formado por escravos fugitivos de engenhos da [[Capitania de Pernambuco]].<ref name="Palmares">{{citar web|url=http://www.cultura.gov.br/o-dia-a-dia-da-cultura/-/asset_publisher/waaE236Oves2/content/estado-e-exaltado-em-festa-nacional-161433/10883|título=Estado é exaltado em festa nacional|publicado=Ministério da Cultura|acessodata=6 de dezembro de 2018|arquivourl=https://web.archive.org/web/20181117151214/http://www.cultura.gov.br/o-dia-a-dia-da-cultura/-/asset_publisher/waaE236Oves2/content/estado-e-exaltado-em-festa-nacional-161433/10883|arquivodata=2018-11-17|urlmorta=yes}}</ref><ref>{{citar web|url=https://educacao.uol.com.br/disciplinas/historia-brasil/quilombo-dos-palmares-verdades-e-mitos-sobre-o-quilombo-e-zumbi.htm|título=Quilombo dos Palmares: Verdades e mitos sobre o quilombo e Zumbi|publicado=UOL|acessodata=6 de dezembro de 2018}}</ref>
 
=== O apogeu ===
* PERET, Benjamin. ''O quilombo dos Palmares'', ensaios e comentários de M. Maestri e R. Ponge (org.), Porto Alegre: EdiUFRGS,2002.
* REIS, João José; GOMES, Flávio dos Santos (org.) ''Liberdade por um fio. História dos quilombos no Brasil''. São Paulo: Companhia das Letras, 1996.
* [https://web.archive.org/web/20070111101155/http://www.nossahistoria.net/Default.aspx?PortalId=-1&TabId=-1&MenuId=-1&pagId=FQECROPJ Risério, António. ''Escravos de escravos''.Nossa Historia . Editora Vera Cruz]
{{Refend}}
 
== Ligações externas ==
* [https://web.archive.org/web/20081120183531/http://www.quilombodospalmares.org.br/ Site oficial Parque Memorial Quilombo dos Palmares]
* [https://web.archive.org/web/20070802075746/http://www.palmares.gov.br/103/10302008.jsp?ttCD_CHAVE=8 Imagens da Serra da Barriga]
* [https://web.archive.org/web/20080314194826/http://www.cultura.gov.br/noticias/noticias_do_minc/index.php?p=31242&more=1&c=1&tb=1&pb=1 Parque Memorial Quilombo dos Palmares]
* {{Link|pt|2=http://fortalezasmultimidia.com.br/fortalezas/index.php?ct=fortaleza&id_fortaleza=32|3=Quilombo dos Palmares|4=em Fortalezas.org.}}
 
226 962

edições