Diferenças entre edições de "Pegu"

27 bytes removidos ,  17h03min de 19 de maio de 2019
sem resumo de edição
 
==História==
Diversas crônicas em [[Língua mon|mon]] relatam datas da fundação de Pegu amplamente divergentes, com uma gama de variação de aproximadamente setecentos anos.{{efn|Uma versão da crônica ''Slapat Rajawan'', datada do [[século {{séc|XVIII]]}} e relatada por [[Arthur Purves Phayre|Arthur Phayre]] (Phayre 1873: 32) afirma que o assentamento foi fundado em 1116 do [[calendário budista]] (572/573 CE). No entanto, uma outra versão da mesma crônica, usada por P.W. Schmidt (Schmidt 1906: 20, 101), declara que a fundação ocorreu na primeira crescente de [[Tabodwe|Mak (Tabodwe)]] 1116 do calendário budista (c. 19 de janeiro de 573, CE), o que equivale ao ano 514 da "terceira era"; contudo, não específica a era.}} Enquanto que o ''Zabu Kun-Cha'', um tratado administrativo birmanês do início do [[século {{séc|XV]]}}, afirma que a cidade foi fundada em 1276/77 [[Anno Domini|d.C.]]{{sfn|name=2017-332|Aung-Thwin|2017|p=332}} As primeiras evidências existentes de Pegu como local datam apenas do período tardio da [[Reino de Pagan|Dinastia de Pagan]] (1212 e 1266), quando ainda era uma cidade pequena, nem mesmo uma capital provincial. Após o colapso do Império Pagan, a cidade tornou-se parte do Reino separatista de Martaban na década de 1290.<ref name=Coedes>{{citar livro|último = Coedès|primeiro = George|autorlink = George Coedès|editor= Walter F. Vella|others= trans.Susan Brown Cowing|título= The Indianized States of Southeast Asia|ano= 1968|publicado= Periódico da [[Universidade do Havaí]]|isbn= 978-0-8248-0368-1}}</ref>
 
{{Notas}}