Abrir menu principal

Alterações

m
Foram revertidas as edições de 45.71.63.111 para a última revisão de JMagalhães, de 19h42min de 3 de junho de 2019 (UTC)
A '''raiz''' é o órgão da [[plantae|planta]] que tem duas funções principais: servir como meio de fixação ao solo e como órgão absorvente de [[água]], compostos nitrogenados e outras substâncias [[minerais]] como [[potássio]] e [[fósforo]]<ref>{{Citar livro|url=https://books.google.com.br/books?id=U6CboHxF0oIC|titulo=Fundamentos em Ecologia|ultimo=Harper|primeiro=Colin R. Townsend {{!}} Michael Begon {{!}} John L.|data=2009-01-01|editora=Artmed Editora|lingua=pt|isbn=9788536321684}}</ref> (matéria bruta ou inorgânica). Quase sempre subterrânea. Há, no entanto, plantas dotadas de raízes especiais, como as [[figueira]]s com as suas raízes aéreas, e as plantas [[epífita]]s.
 
== Formação dodas amorraízes ==
Nas [[pteridófita]]s, as raízes se desenvolvem nos primeiros estágios do desenvolvimento do [[esporófito]], quando ainda preso ao [[gametófito]]. Nas [[Embriófitas|plantas com sementes]], raízes têm origem no [[embrião]]. O precursor da raiz no embrião, a [[radícula]], é o primeiro órgão a se desenvolver no ato da [[germinação]] da [[semente]]. Nas [[dicotiledônea]]s e [[Gimnospermas]], esta raiz primordial desenvolve-se e torna-se a raiz principal, da qual a maior parte do sistema radicular é derivado. Leva o nome de axial. Já em [[monocotiledônea]]s, a radícula se degenera, e todas as raízes brotam a partir da base do caule, conhecidas neste caso como '''raízes adventícias''', ou fasciculada.