Diferenças entre edições de "David Cameron"

12 bytes removidos ,  02h16min de 5 de junho de 2019
Desfeita a edição 55404904 de 179.111.172.16
Etiquetas: Edição via dispositivo móvel Edição feita através do sítio móvel
(Desfeita a edição 55404904 de 179.111.172.16)
Etiqueta: Desfazer
 
=== Primeiro-ministro ===
A 11 de maio de 2010, após a renúncia de [[Gordon Brown]] do cargo de premier, [[Isabel II do Reino Unido|Elizabeth II]] convidou Cameron a formar um governo.<ref name=BBCNewPM>{{citar jornal|url= http://news.bbc.co.uk/2/hi/uk_news/politics/election_2010/8675265.stm |título=David Cameron assumeis oUK's cargonew de primeiro-ministro do Reinoprime Unidominister |obra=BBC News |acessodata=11 de maio de 2010|língua= en}}</ref> Com 43 anos, ele se tornou o primeiro-ministro mais jovem desde [[Robert Jenkinson, 2.º Conde de Liverpool|Robert Jenkinson]], que tinha assumido o poder em 1812.<ref name=Telegraph11May2009YoungestPM/> Em seu primeiro discurso do lado de fora da [[10 Downing Street]], ele anunciou que seu partido formaria um [[governo de coalizão]], o primeiro desde a [[Segunda Guerra Mundial]], com os [[Partido Liberal Democrata (Reino Unido)|Liberais Democratas]], pois nenhum lado conseguiu maioria absoluta no [[Parlamento do Reino Unido|Parlamento]] nas [[Eleições gerais no Reino Unido em 2010|eleições gerais de 2010]].<ref>[http://g1.globo.com/mundo/noticia/2010/05/novo-premier-britanico-david-cameron-anuncia-coalizao-com-liberais-democratas.html "Novo premier britânico, David Cameron, anuncia coalizão com liberais-democratas"]. Página acessada em 29 de maio de 2014.</ref>
[[Ficheiro:Prime Minister David Cameron, speaking at the London Summit on Family Planning (7554893808).jpg|miniaturadaimagem|esquerda|Cameron em 2012.]]
Cameron afirmou que sua administração iria "esquecer as diferenças partidárias e trabalhar pelo bem comum e pelo interesse nacional".<ref name=Telegraph11May2009YoungestPM/> Em uma das suas primeiras ações oficiais foi apontar [[Nick Clegg]], líder do Partido Liberal Democrata, como Vice Primeiro-Ministro em 11 de maio de 2010.<ref name=BBCNewPM/> Assim, os Conservadores e Liberais passaram a controlar 363 assentos na Câmara dos Comuns, dando-lhes maioria para formar um governo.<ref>{{citar jornal|autor =Lyall, Sarah |url= http://www.nytimes.com/2010/05/13/world/europe/13britain.html?hp |título= Britain's Improbable New Leaders Promise Big Changes |jornal=The New York Times |data=12 de maio de 2010}}</ref>