Diferenças entre edições de "Aleijadinho"

50 bytes adicionados ,  11h13min de 5 de junho de 2019
m (Resgatando 4 fontes e marcando 1 como inativas. #IABot (v2.0beta15))
 
Já [[Guiomar de Grammont|Grammont]], Gomes Junior, Chartier, Barretto e outros advertem para o perigo da perenização de visões mitificantes, romantizadas e fantasiosas sobre o artista, que tendem a obscurecer a sua correta contextualização e a clara compreensão de sua estatura artística e da extensão de sua originalidade, a partir do copioso folclore que desde a era de [[Getúlio Vargas|Vargas]] tanto a oficialidade como o povo vêm criando em torno de sua figura mal conhecida e misteriosa, elevando-o ao patamar de herói nacional.<ref name="Chartier"/><ref name="Gomes Junior, pp. 59-66"/><ref name="HANSEN"/><ref name="Barretto, pp. 75-76"/><ref name="WILLIAMS"/> Hansen inclusive aponta como evidência lamentável dessa situação a ocorrência de manipulação política da imagem de Aleijadinho no exterior, citando a censura governamental à publicação de estudos mais críticos no catálogo de uma grande exposição que incluía o artista montada na França, patrocinada pelo governo federal.<ref name="HANSEN"/>
 
O Aleijadinho já foi retratado como personagem no [[cinema]] e na [[televisão]]: em 1915 Guelfo Andaló dirigiu a primeira cinebiografia sobre o artista,<ref>Gomes, Renato Cordeiro. [http://books.google.com/books?id=3wCT5OkW4loC&pg=PA253&dq=aleijadinho&lr=&as_drrb_is=q&as_minm_is=0&as_miny_is=&as_maxm_is=0&as_maxy_is=&as_brr=3&hl=pt-BR#v=onepage&q=aleijadinho&f=false ''Literatura, política, cultura (1994-2004)'']. Editora UFMG, 2005. p. 253</ref> e maisem recentemente1968 ele foi interpretado por [[Geraldo Del Rey]] no filme ''[[Cristo de Lama]]'' ([[1966]]),<ref>[http://epipocabases.uolcinemateca.comgov.br/filmes_detalhescgi-bin/wxis.phpexe/iah/?idfIsisScript=iah/iah.xis&base=FILMOGRAFIA&lang=p&nextAction=7311lnk&exprSearch=ID=018120&format=detailed.pft ''Cristo de Lama'']{{Ligação inativa|1={{subst:DATA}} }}.A e-pipocaHistória UOLdo Aleijadinho'']</ref>, [[Maurício Gonçalves]] no filme ''[[Aleijadinho - Paixão, Glória e Suplício]]'' ([[2003]])<ref>[http://www.webcine.com.br/filmessi/aleijadi.htm ''Aleijadinho - Paixão, Glória e Suplício'']. Webcine</ref> e [[Stênio Garcia]] num Caso Especial da [[TV Globo]].<ref>[http://redeglobo.globo.com/novidades/entrevistas/noticia/2010/03/entrevista-stenio-garcia-e-pura-disposicao-bebo-agua-da-vida.html "Stênio Garcia é pura disposição: Bebo a água da vida"]. ''Rede Globo'', 14/03/2010.</ref> Em 1978 Aleijadinho foi objeto de [[O Aleijadinho|um documentário]] dirigido por [[Joaquim Pedro de Andrade]] e narrado por [[Ferreira Gullar]].<ref>[http://www.portacurtas.com.br/Filme.asp?Cod=4752 ''O Aleijadinho'']. Porta Curtas, Petrobras.</ref>
 
== Lista de obras documentadas ==