Pirâmide de Userquerés: diferenças entre revisões

23 bytes adicionados ,  01h21min de 13 de junho de 2019
sem resumo de edição
|mapa_tamanho = 275px
}}
O complexo da '''pirâmide de Userquerés''' ou '''Usercafe''' ({{langx|egy|''Userkaf''}}) foi construído c. {{AC|2490 a.C.|x}}<ref name="lehner-userkaf"/> para o faraó [[Userquerés]] {{-nwrap|r.|2494|2487}}, fundador da [[V dinastia egípcia|V dinastia]] do [[Egito Antigo]] {{-nwrap|c.|2494|2345}}. Ele está localizado no campo da pirâmide em [[Sacará]], no nordeste da pirâmide de degraus de [[Pirâmide de Djoser|Djoser]] (reinou por volta de {{AC|2670|x}}). Construída em pedra revestida com um núcleo de escombros, a pirâmide está agora arruinada e assemelha-se a uma colina cônica nas areias de Sacara.<ref name="lehner-userkaf">Mark Lehner, ''The Complete Pyramids'', Thames & Hudson, {{ISBN|978-0-500-28547-3}}, p.&nbsp;140</ref> Por esta razão, é conhecido localmente como Elaram Maarbixe (''El-Haram el-Maharbish''), o "Montão de Pedra",<ref name="LauerFlandrin">Jean-Phillipe Lauer (in French):''Saqqarah, Une vie, Entretiens avec Phillipe Flandrin'', Petite Bibliotheque Payot 107, 1988, {{ISBN|2-86930-136-7}}</ref> e foi reconhecido como uma [[Pirâmides egípcias|pirâmide]] real por arqueólogos ocidentais no século {{séc|XIX}}.
 
A pirâmide de Userquerés é parte de um complexo mortuário maior que compreende um templo mortuário, uma capela de oferendas e uma [[pirâmide de culto]], bem como pirâmides separadas e um templo mortuário para a esposa de Userquerés, a rainha [[Neferetepés]].<ref name="LabrousseLauer"/> O templo mortuário de Userquerés e a pirâmide de culto estão hoje completamente arruinados e difíceis de reconhecer. A pirâmide da rainha não é nada mais do que um monte de escombros, sendo que sua câmara funerária foi exposta por ladrões.<ref name="verner-userkaf">Miroslav Verner, Steven Rendall: ''The Pyramids: The Mystery, Culture, and Science of Egypt's Great Monuments'', p. 306, Grove Press, 2002, {{ISBN|0-8021-3935-3}}</ref>