Diferenças entre edições de "Kali"

12 bytes adicionados ,  08h30min de 17 de junho de 2019
Acerto
(Corrigida escrita com erros.)
(Acerto)
'''Kali''' ou '''Cali'''<ref>SCHULBERG, L. ''Índia histórica''. Tradução de J. A. Pinheiro de Lemos. Rio de Janeiro. Livraria José Olympio Editora. 1979. p. 182.</ref> é uma das divindades do [[hinduísmo]]. É considerada uma manifestação da deusa [[Durga]], a esposa de [[Xiva|Shiva]]. É representada manchada de sangue, com cobras e um colar de crânios.<ref>SCHULBERG, L. ''Índia histórica''. Tradução de J. A. Pinheiro de Lemos. Rio de Janeiro. Livraria José Olympio Editora. 1979. p. 182.</ref>
 
Kali representa a Mãe Natureza. Seus quatro braços evocam a Criação, a Preservação, a Destruição e (o quarto) o dom da Salvação para aqueles que vão além da Natureza em busca do âmago Infinito. A guirlanda de crânios significa Sua divina onipresença em todas as mentes humanas para mostrar que a vida humana é passageira. Os cabelos revoltos lembram a energia de Deus espalhando-se por toda a Criação. Sua dança, os passos rítmicos imitam a natureza vibratória do universo.<ref>
KRIYANANDA, Swami; Paramahansa Yogananda: uma biografia; tradução Gilson César Cardoso de Souza. 1a ed. - São Paulo: Pensamento, 2014.</ref>
 
== Etimologia ==