Diferenças entre edições de "Arquidiocese de Hamburgo-Bremen"

45 bytes removidos ,  17h33min de 19 de junho de 2019
sem resumo de edição
|imagem = [[Imagem:Wappen Erzbistum Bremen.png|100px]]
|país = [[Sacro Império Romano Germânico]]<br>[[Imagem:HRR 1648 Erz Bremen.png|centro|200px]]
|metropolita = Hamburgo
|rito = Católico {{nwrap||787|1540}}<br>Luterano {{nwrap||1540|1648}}
|fundação = 787
}}
A '''Arquidiocese de Bremen''' ou '''Brema''' ({{langx|de|''Erzbistum Bremen''}}), durante um período designada por '''Arquidiocese de Hamburgo-Bremen''' ou '''Hamburgo-Brema''', foi uma [[diocese]] [[católica]] entre 787 e 1540, fundada pelo [[imperador carolíngio|imperador]] [[Carlos Magno]]. Depois da [[reforma protestante]], foi diocese [[luterana]] de 1540 a 1648. Bremen foi sede da [[província eclesiástica]] que abrangia os bispados da [[Escandinávia]], durante o processo de [[cristianização]] dos [[Países Nórdicos]].{{sfn|name=Or98|Orrling|1995|p=97-98}}{{sfn|name=Ba2000|Bakken|2000}}
 
Missionários desta arquidiocese foram enviados à [[Dinamarca]], [[Suécia]] e [[Países Bálticos]] com a missão de espalhar a [[cristianismo|fé cristã]]. O primeiro arcebispo foi [[Ansgário de Hamburgo|Ansgário]] {{nwrap||831|865}}, cuja vida é preservada na ''[[Vida de Ansgário]]'', e o segundo [[Rimberto]] {{nwrap||865|889}}.<ref name=Or98 /><ref name=Ba2000 /> O cronista [[Adão de Brema|Adão]] escreveu os ''[[Feitos dos Bispos da Igreja de Hamburgo]]'' que narra a história da arquidiocese.{{sfn|Piltz|2019}}