Diferenças entre edições de "Marcos Mion"

27 bytes adicionados ,  21h50min de 20 de junho de 2019
Etiquetas: Edição via dispositivo móvel Edição feita através do sítio móvel
Etiquetas: Edição via dispositivo móvel Edição feita através do sítio móvel
 
== Biografia ==
Marcos Chaib Mion possui [[ascendência]] [[Imigração árabe no Brasil|árabe]], por parte materna, e [[imigração italiana no Brasil|italiana]], por parte paterna. Nasceu em uma família de [[classe média alta]] de [[São Paulo]], sendo o segundo filho do [[médico]] e [[professor]] da [[Universidade de São Paulo|USP]] Décio Mion Júnior, e da [[psicólogo|psicóloga]] e [[psicanalista]] Carmem Chaib Mion. Ele teve uma formação com forte base literária e voltada para o [[teatro]], tendo uma preferência particular pela obra de [[Shakespeare]]. Marcos chegou a cursar [[filosofia]] na USP durante três meses.<ref>{{citar web |url=http://entretenimento.r7.com/legendarios/videos/-pais-de-mion-aparecem-de-surpresa-no-palco-para-comemorar-aniversario-do-apresentador-24062017 |título=Pais de Mion aparecem de surpresa no palco para comemorar aniversário |publicado=R7 |data=24 de junho de 2017 |acessodata=25 de agosto de 2017}}</ref><ref name="filosof">{{citar web |url=http://brasil.estadao.com.br/blogs/inconsciente-coletivo/a-filosofia-de-marcos-mion/ |título=A filosofia de Marcos Mion |publicado=Estadão Blogs |data=25 de agosto de 2017 |acessodata=25 de agosto de 2017}}</ref>
 
Em [[1994]], seu irmão mais velho, Marcelo, faleceu ao cair do vão livre do [[Museu de Arte de São Paulo|MASP]], enquanto celebrava a aprovação no vestibular de medicina da Universidade de São Paulo. O episódio deixou Marcos Mion, que tinha apenas 14 anos, com [[Transtorno depressivo maior|depressão]], fazendo com que se viciasse em [[cocaína]], [[cannabis]] e [[alcoolismo|álcool]], por quinze anos, curando-se com tratamento de desintoxicação e [[psicoterapia]]. Deprimido e viciado, Marcos chegou a pesar 103 quilos na [[adolescência]]. Ele atribui, além do tratamento medicamentoso e psicológico, o [[teatro]] como sua maior motivação para abandonar o vício e buscar a cura, que embora tenha levado muito tempo, o motivou a ir parando o uso de forma gradativa. Em [[1996]], aos 17 anos, Mion sofreu um acidente de [[carro]] enquanto voltava de uma [[boate]] com seu melhor amigo, Carlos. Uma [[motocicleta|moto]] ultrapassou o [[semáforo]] enquanto o carro passava, batendo fortemente contra o veículo. Carlos, que dirigia, foi atingido e veio a falecer. Este fato abalou muito o psicológico de Marcos, que desenvolveu [[síndrome do pânico]]. Nesta época intensificou o uso de entorpecentes, teve uma [[overdose]] e passou alguns meses internado em uma clínica de reabilitação, passando a frequentar [[psiquiatria|psiquiatras]] e a tomar [[antidepressivo]]s. <ref>{{citar livro|título = Revista Trip|sobrenome = Cedroni |nome = Giuliano|edição = 98|editora = TRIP|ano = 2002|página = 8-18|isbn = }}</ref>
Utilizador anónimo