Abrir menu principal

Alterações

| 405 (7/38)
| 17 de maio
| ''Obrigado porPor meMe Traíres''
| Lineu se irrita com as festas com churrasco que Agostinho promove toda semana na área de lazer, e traça um limite entre as duas casas, criando uma confusão com o taxista. Paulão tenta se aproximar mais de Daniele da Padaria, mas só "consegue" com a ajuda de seu irmão Fábio, que em uma ocasião se passa pelo mecânico, indo contra sua orientação.
|-----
| 406 (8/38)
| 24 de maio
| ''Mentir e Fumar é Começar''
| Bebel reclama da educação que Floriano vem recebendo de Agostinho, e o taxista aposta com a esposa que o filho pode ser mais obediente e estudioso em seu comando, mas faz isso comprando o garoto. Ao descobrir a façanha, Lineu tenta orientar o neto, que o considera um "invasor" em sua casa. Desde que o marido sofreu o acidente, Nenê não consegue controlar o vício do fumo, e sobra a Tuco assumir a culpa após o pai encontrar uma caixa de cigarro no banheiro.
|-----
| 414 (16/38)
| 19 de julho
| ''Nunca Antes naNa História Desse Bairro''
| Um incêndio criminoso ocorre no Paivense, e como presidente do clube, Agostinho é responsabilizado pelos danos, levando a comunidade a decidir que Lineu deve ser o assumir o cargo. Porém, Fontes ([[Luiz Fernando Guimarães]]) encontra seu genro, que lhe promete oferecer dinheiro em troca da construção de um prédio residencial no lugar do clube, fazendo com que os moradores mudem de ideia. Além disso, o empresário que propõe também que o taxista se torne candidato a vereador. Floriano está viciado em um joguinho eletrônico, e descobre que Nenê comprou um novo para dá-lo no Natal. A avó cede ao pedido do neto, passando por cima de Bebel, que tenta fazer com que o filho se dedique aos estudos.
|-----
2 956

edições