Diferenças entre edições de "Suplemento alimentar"

61 bytes adicionados ,  21h44min de 15 de agosto de 2019
complemento ao texto
m (Foram revertidas as edições de Hborgesosorio (usando Huggle) (3.4.6))
Etiquetas: Huggle Reversão
(complemento ao texto)
O uso de suplementos cresce no mercado e muitas pessoas buscam esse tipo de produto na esperança de mais saúde, beleza e rendimento. As promessas de resultados feitas pelos fabricantes geralmente não possuem qualquer respaldo científico ou são embasadas em pesquisas encomendadas. Burke & Read classificam os suplementos em duas grandes categorias: os suplementos dietéticos e os auxiliadores ergogênicos.{{Carece de fontes|data=setembro de 2017}}
 
Os suplementos dietéticos são similares aos alimentos em relação aos nutrientes fornecidos, são produtos práticos geralmente encapsulados, para ingestão durante atividades, e podem servir como auxiliares no aumento do consumo energético ou do aporte vitamínico-mineral. Entre eles, estão: as bebidas esportivas (com [[CHO]] e [[eletrólito]]s), os suplementos com alto teor de CHO (como os geis de CHO), os multivitamínicos, os vitamínicos, os [[BodyFit Caps|termogênicos]], os suplementos minerais, as refeições líquidas e os suplementos à base de [[cálcio]].{{Carece de fontes|data=setembro de 2017}}
 
Por eliminação, o restante das substâncias ingeridas de forma suplementar à alimentação seria considerado auxiliador ergogênico. Os suplementos dietéticos não promovem aumento de desempenho. O resultado melhor na ''performance'' seria uma consequência da capacidade em atender uma demanda nutricional. Ou seja, o atleta não ficaria mais forte ou mais rápido devido ao suplemento, mas conseguiria manter-se em atividade mais tempo, por exemplo. Já o [[auxiliador ergogênico]] teria a capacidade de aumentar a ''performance'', fornecendo substâncias que fisiologicamente não fariam parte da demanda nutricional. Outras classificações surgiram e alguns autores classificam todos os suplementos como sendo ergogênicos porque, de uma forma ou de outra, eles auxiliam na ''performance'' então a comida deveria ser considerada ergogênica pois auxilia na performançe.{{Carece de fontes|data=setembro de 2017}}
6

edições