Diferenças entre edições de "Wellington Fagundes"

53 bytes adicionados ,  00h44min de 19 de setembro de 2019
 
É o caçula dos sete filhos dos retirantes nordestinos João Antônio Fagundes e Minervina Pereira Fagundes. Seu pai, conhecido como João Baiano, percorreu cerca de dois mil quilômetros a pé da Bahia ao Mato Grosso, onde estabeleceu morada na zona rural de [[Poxoréu]] (MT). Lá, João trabalhou como vaqueiro e casou-se com Minervina. O casal se mudou para Rondonópolis e estabeleceu um pequeno comércio.
 
 
Wellington cursou o ensino básico em Rondonópolis, nas escolas Sagrado Coração de Jesus e La Salle. Desde menino, Fagundes se interessou por política devido à influência do pai, João Baiano – um líder, embora não tenha participado diretamente da política. Baiano reunia a população local em casa para discutir as necessidades do município e do Estado. Wellington gostava de participar.
Na década de 1970, cursou o ensino médio na Escola Agrotécnica de São Vicente – município de Cuiabá (MT). Durante o curso na Faculdade de Medicina Veterinária em Campo Grande (MS), participou do movimento estudantil. Em 1980, Wellington graduou-se e retornou a Rondonópolis para abrir um comércio no setor de agropecuária.
 
== Carreira política ==
O então comerciante ingressou na política de classe como presidente da Associação Comercial Industrial de Rondonópolis por dois mandatos, 1983 a 1986. Em 1987, assumiu a Secretaria Municipal de Planejamento de Rondonópolis, na gestão de Hermínio J. Barreto. Em [[Eleições gerais no Brasil em 1990|1990]], concorreu a uma cadeira na Câmara dos Deputados e foi eleito. Foi reeleito em [[Eleições gerais no Brasil em 1994|1994]], [[Eleições gerais no Brasil em 1998|1998]], [[Eleições gerais no Brasil em 2002|2002]], [[Eleições gerais no Brasil em 2006|2006]] e [[Eleições gerais no Brasil em 2010|2010]], sendo nessa última o parlamentar mais votado do Mato Grosso, com 145&nbsp;460 mil votos.<ref>{{citar jornal|url=http://www.gazetadigital.com.br/conteudo/show/secao/10/materia/421513/t/wellington-admite-recuar-e-tentar-novamente-reeleicao|titulo=Wellington admite recuar e tentar novamente reeleição|ultimo=Cambuim|primeiro=Sissy|data=13/06/2014|publicado=gazetadigital.com.br|acessodata=30/07/2014}}</ref>
 
 
{{referências}}
 
== Ligações externas ==
 
{{Senadores do Brasil}}