Diferenças entre edições de "Lúcifer"

884 bytes removidos ,  06h52min de 24 de setembro de 2019
removendo WP:NPI e conteúdo sem fontes, adequando PDVN, acrescentando refs
(Retirada parte final do parágrafo que era confusa, contraditória e infundada.)
Etiquetas: Editor Visual Edição via dispositivo móvel Edição feita através do sítio móvel Remoção considerável de conteúdo
(removendo WP:NPI e conteúdo sem fontes, adequando PDVN, acrescentando refs)
{{Ver desambig|este=o termo latino|a personificação do mal|Diabo|outros=Lúcifer (desambiguação)}}
{{ver desambiguação}}
'''Lúcifer''', palavra que [[transliterada]] como ''hêlêl''<ref name="biblesuite">{{citar web|url=http://biblesuite.com/hebrew/heilel_1966.htm|título=Hebrew Concordance: hê·lêl &ndash; 1 Occurrence - Bible Suite|obra=Bible Hub|editora=Biblos.com|local=[[Leesburg, Florida]]|acessodata=10 de julho de 2014}}</ref> ou ''heylel''<ref name="H1966">[http://www.blueletterbible.org/lang/lexicon/lexicon.cfm?Strongs=H1966&t=KJV Strong's Concordance, H1966]: "o brilhante, estrela da mnhão, Lucifer; do rei da [[Babilônia]] e Satã (fig.)"</ref> e aparece apenas uma vez – '''hápax legómenon''' – na [[Bíblia Hebraica]]<ref name="biblesuite" />, de acordo com a influência da versão do [[Bíblia do Rei Jaime|Rei Jaime]] ([[Bíblia do Rei Jaime|King James]]) significa "o brilhante, estrela da manhã, Lúcifer".<ref name="H1966" /> A palavra ''Lúcifer'' provém da ''[[Vulgata]]'',<ref name="Marie-Therese1999">QUINSON, Marie-Therese (1999). [http://books.google.com/books?id=66cfRJw1c_wC&pg=PA186 ''Dicionário cultural do cristianismo'']. Edicoes Loyola. p. 186. ISBN 978-85-15-01330-2.</ref><ref name="Kohler1923">{{citar livro|sobrenome=Kohler|nome=Dr. Kaufmann|título=Heaven and hell in Comparative Religion with Special Reference to Dante's Divine Comedy|url=http://books.google.com/books?id=xIaQYpGrmdIC&pg=PA5|ano=1923|editora=The MacMillanCompagny|local=New York|isbn=0-76616608-2|páginas=4–5|citação="Lúcifer, é retirado da versão latina, a ''Vulgata''"}}</ref> que traduz הילל como ''lúcifer'', {{Citar bíblia|Isaías|14|12}}<ref>{{citar web|url=http://www.drbo.org/lvb/chapter/27014.htm |título=Latin Vulgate Bible: Isaiah 14 |editora=DRBO.org |acessodata=10 de julho de 2014}}</ref><ref name="Vulgate Latin: Isaiah Chapter 14">{{citar web|url=http://www.sacred-texts.com/bib/vul/isa014.htm#012 |título=Vulgate: Isaiah Chapter 14 |editora=Sacred-texts.com |acessodata=10 de julho de 2014 |língua=Latin}}</ref> significando "a estrela da manhã, o [[planeta]] [[Vênus (planeta)|Vênus]]", ou, como um adjetivo, "portador da luz".<ref name="Lewis&S">{{citar web|url=http://www.perseus.tufts.edu/hopper/text?doc=Perseus%3Atext%3A1999.04.0059%3Aentry%3Dlucifer |título=Charlton T. Lewis, Charles Short, "A Latin Dictionary" |editora=Perseus.tufts.edu |acessodata=10 de julho de 2014}}</ref> O [[Septuaginta]] traduz הֵילֵל para grego como ἑωσφόρος<ref>{{citar web|url=http://www.septuagint.org/LXX/Isaiah/14 |título=LXX Isaiah 14 |editora=Septuagint.org |acessodata=10 de julho de 2014 |lígua= grego}}</ref><ref>{{citar web|url=http://bibledatabase.net/html/septuagint/23_014.htm |título=Greek OT (Septuagint/LXX): Isaiah 14 |editora=Bibledatabase.net |acessodata=10 de julho de 2014 |língua=grego}}</ref><ref>{{citar web|url=http://sepd.biblos.com/isaiah/14.htm |título=LXX Isaiah 14 |editora=Biblos.com |acessodata=10 de julho de 2014 |língua= Greek}}</ref><ref>{{citar web|url=http://www.sacred-texts.com/bib/sep/isa014.htm#012 |título=Septuagint Isaiah 14 |editora=Sacred Texts |acessodata=6 de maio de 2014 |língua= grego}}</ref><ref>{{citar web|url=http://www.blueletterbible.org/Bible.cfm?b=Isaiah&c=14&t=LXX |título=Greek Septuagint (LXX) Isaiah - Chapter 14 |editora=Blue Letter Bible |acessodata=6 de maio de 2014 |língua= grego}}</ref> (''heōsphoros''),<ref>{{citar livro|url=http://books.google.com/?id=4W5gzptzfxUC&pg=136&dq=heosphoros+septuagint |título=The Old Enemy: Satan and the Combat Myth |autor=Neil Forsyth |editora=Princeton University Press| isbn=978-0-69101474-6 |ano=1989 |página=136 |acessodata=22 de dezembro de 2012}}</ref><ref>{{citar livro|url=http://books.google.com/?id=SD6-YKBqGr0C&pg=PA35&dq=heosphoros+septuagint |título=The Devil: What Does He Look Like? |autor=Nwaocha Ogechukwu Friday |editora=American Book Publishing |isbn=978-1-58982662-5 |data=30 de maio de 2012 |página=35 |acessodata=10 de julho de 2014}}</ref><ref name="Adelman">{{citar livro|url=http://books.google.com/books?id=Z7Ue5kAkw20C&printsec=frontcover |título=The Return of the Repressed: Pirqe De-Rabbi Eliezer and the Pseudepigrapha |primeiro =Rachel |último =Adelman |ano=2009 | editora=[[Brill editoras|BRILL]] |local=[[Leiden]] |página=[http://books.google.com/books?id=Z7Ue5kAkw20C&pg=PA67&dq=heosphoros+%22Dante+and+Milton%22 67] |isbn= 978-9-00417049-0 | isbn=9-00417049-9}}</ref> um nome, literalmente "o que traz o anoitecer", para a estrela da manhã.<ref>{{citar livro|último =Taylor|primeiro =Bernard A.; with word definitions by J. Lust|título=Analytical lexicon to the Septuagint|ano=2009|editora=Hendrickson editoras, Inc.|local=Peabody, Mass.|isbn=1-56563516-7|url=http://books.google.com/books?id=JNaDupoSycMC&pg=256&dq=ἑωσφόρος|edição=Expanded|coautors=Eynikel, E.; Hauspie, K.|página=256}}</ref>
 
'''Lúcifer''' (do latim, ''lucifer'', "portador da luz"<ref name="Lewis&S">{{citar web|url=http://www.perseus.tufts.edu/hopper/text?doc=Perseus%3Atext%3A1999.04.0059%3Aentry%3Dlucifer |título=Charlton T. Lewis, Charles Short, "A Latin Dictionary" |editora=Perseus.tufts.edu |acessodata=10 de julho de 2014}}</ref>) é um termo de origem [[Latim|latina]] para o planeta [[Vénus (planeta)|Vênus]] que aparece nas traduções da Bíblia [[Vulgata]] de [[Jerônimo|São Jerônimo]]. No [[cristianismo]], o nome ficou associado a [[Satanás|Satã]] devido à interpretação de uma profecia do livro de [[Isaías]]<ref>{{Citar livro|url=https://books.google.com/books?id=y17fkvqXOBcC&pg=PA260&dq=manley+%22assyrian+rather+than+a+Babylonian%22|título=Isaiah Through the Ages|ultimo=Manley|primeiro=Johanna|data=1995|editora=St Vladimir's Seminary Press|lingua=en|isbn=9780962253638}}</ref> que falava sobre a queda de um dos reis da [[Babilónia|Babilônia]], possivelmente [[Nabucodonosor II]].<ref>{{Citar web|titulo=Isaiah 14:12-17 NIV|url=https://www.biblica.com/bible/?osis=niv:isa.14.12-isa.14.17|obra=Biblica|acessodata=2019-09-24|lingua=en-US}}</ref><ref>{{Citar livro|url=https://books.google.com/books?id=2Vo-11umIZQC&pg=PA511&dq=%22any+Canaanite+myth%22|título=Eerdmans Commentary on the Bible|ultimo=Dunn|primeiro=James D. G.|ultimo2=Rogerson|primeiro2=John William|data=2003-11-19|editora=Wm. B. Eerdmans Publishing|lingua=en|isbn=9780802837110}}</ref> Embora esta ligação tenha se difundido na concepção popular, o termo não se referia ao nome original de um anjo caído que teria desafiado a [[Deus]].<ref>{{Citar livro|url=https://books.google.com/books?id=Rg2RJAIZ4k4C&printsec=frontcover|título=The Problem of Evil in the Western Tradition: From the Book of Job to Modern Genetics|ultimo=Kelly|primeiro=Joseph Francis|data=2002|editora=Liturgical Press|lingua=en|isbn=9780814651049}}</ref><ref>{{Citar livro|url=https://books.google.com/books?id=gxwR74_cpx4C&pg=PA95&lpg=PA95&dq=%22Tertullian+used+many+names+and+phrases%22&source=bl&ots=MSN2Qu_OKv&sig=zZ5SIvtEhHR9W57DxV2avuuYbVQ&hl=en&sa=X&ei=CaMRUKuUBorDhAfyj4G4CA&redir_esc=y#v=onepage&q=%22Tertullian%20used%20many%20names%20and%20phrases%22&f=false|título=Satan: The Early Christian Tradition|ultimo=Russell|primeiro=Jeffrey Burton|data=1987|editora=Cornell University Press|lingua=en|isbn=9780801494130}}</ref><ref name=":0" />
== Significado ==
 
== Etimologia ==
O [[substantivo]] Lúcifer ocorre seis vezes na ''[[Vulgata]]'', versão [[latim|latina]] da Bíblia, e uma vez em algumas [[Traduções da Bíblia em língua portuguesa]]. Lúcifer se refere literalmente à "Estrela da Manhã" ou "Estrela D'Alva", à "luz da manhã",<ref name="jo.11.17">{{citar bíblia|livro=Jó|capítulo=28|verso=32}}</ref> aos "signos do zodíaco",<ref name="jo.38.32">{{citar bíblia|livro=Jó|capítulo=38|verso=32}}</ref> e à "aurora" <ref name="salmos.109.3">{{citar bíblia|livro=Salmos|capítulo=109|verso=3}}</ref> ou, metaforicamente, ao "rei da Babilônia",<ref name="isaias.14.12">{{citar bíblia|livro=Isaías|capítulo=14|verso=12}}</ref> ao sumo sacerdote [[Simão (filho de Onias)|Simão]], filho de Onias,<ref name="eclesiastico.1.6">{{citar bíblia|livro=Eclesiástico|capítulo=1|verso=6}}</ref> à Glória de Deus,<ref name="apoc.2.28">{{citar bíblia|livro=Apocalipse|capítulo=2|verso=28}}</ref> ou a [[Jesus Cristo]].<ref name="2.pedro.1.19">{{citar bíblia|livro=II Pedro|capítulo=1|verso=19}}</ref><ref name="apoc.22.16">{{citar bíblia|livro=Apocalipse|capítulo=22|verso=16}}</ref> Jesus Cristo, no livro de apocalipse (22:16) se auto denomina "resplandescente estrela da manhã", o que é diferenciado quando o termo é usado separadamente "estrela da manhã" como "poder sobre nações". ({{citar bíblia|Apocalipse|2|26, 28}}, {{citar bíblia|Isaías|14|12}})
O [[substantivo]] ''Lúcifer'' ("portador da luz") vem da junção das palavras em [[latim]] ''lux'' (luz) ''e fero'' (carregar).<ref>{{Citar web|titulo=fero|url=http://www.perseus.tufts.edu/hopper/morph?l=fero&la=la#lexicon|obra=Perseus Digital Library|acessodata=2019-09-24|data=|publicado=Universidade Tufts|ultimo=|primeiro=}}</ref> Ele provêm da ''[[Vulgata]]'', versão [[latim|latina]] da Bíblia,<ref name="Kohler1923">{{citar livro|sobrenome=Kohler|nome=Dr. Kaufmann|título=Heaven and hell in Comparative Religion with Special Reference to Dante's Divine Comedy|url=http://books.google.com/books?id=xIaQYpGrmdIC&pg=PA5|ano=1923|editora=The MacMillanCompagny|local=New York|isbn=0-76616608-2|páginas=4–5|citação="Lúcifer, é retirado da versão latina, a ''Vulgata''"}}</ref><ref name="Marie-Therese1999">QUINSON, Marie-Therese (1999). [http://books.google.com/books?id=66cfRJw1c_wC&pg=PA186 ''Dicionário cultural do cristianismo'']. Edições Loyola. p. 186. ISBN 978-85-15-01330-2.</ref><ref>{{citar web|url=http://www.drbo.org/lvb/chapter/27014.htm |título=Latin Vulgate Bible: Isaiah 14 |editora=DRBO.org |acessodata=10 de julho de 2014}}</ref> e aparece em algumas [[traduções da Bíblia em língua portuguesa]] e na versão do [[Bíblia do Rei Jaime|Rei Jaime]] onde é citado como "o brilhante, estrela da manhã, Lúcifer".<ref name="H1966">[http://www.blueletterbible.org/lang/lexicon/lexicon.cfm?Strongs=H1966&t=KJV Strong's Concordance, H1966]: "O brilhante, estrela da manhã, Lucifer; do rei da [[Babilônia]] e Satã (fig.)"</ref> Pode referir-se à "Estrela da Manhã" ou "Estrela d'Alva", à "luz da manhã",<ref name="jo.11.17">{{citar bíblia|livro=Jó|capítulo=28|verso=32}}</ref> aos "signos do zodíaco",<ref name="jo.38.32">{{citar bíblia|livro=Jó|capítulo=38|verso=32}}</ref> à "aurora",<ref name="salmos.109.3">{{citar bíblia|livro=Salmos|capítulo=109|verso=3}}</ref> ao sumo sacerdote Simão, filho de Onias,<ref name="eclesiastico.1.6">{{citar bíblia|livro=Eclesiástico|capítulo=1|verso=6}}</ref> à "Glória de Deus"<ref name="apoc.2.28">{{citar bíblia|livro=Apocalipse|capítulo=2|verso=28}}</ref> e a [[Jesus Cristo]].<ref name="2.pedro.1.19">{{citar bíblia|livro=II Pedro|capítulo=1|verso=19}}</ref><ref name="apoc.22.16">{{citar bíblia|livro=Apocalipse|capítulo=22|verso=16}}</ref>
 
Na [[Bíblia Hebraica]] é mencionado uma única vez<ref name="biblesuite">{{citar web|url=http://biblesuite.com/hebrew/heilel_1966.htm|título=Hebrew Concordance: hê·lêl &ndash; 1 Occurrence - Bible Suite|obra=Bible Hub|editora=Biblos.com|local=Leesburg|acessodata=10 de julho de 2014}}</ref> como ''hêlêl<ref name="biblesuite" /> ou heylel<ref name="H1966" /> ben-shahar'', (הילל בן שחר), "o que brilha" e na [[Septuaginta]] [[Língua grega antiga|grega]] como ''heōsphoros<ref>{{citar livro|url=http://books.google.com/?id=4W5gzptzfxUC&pg=136&dq=heosphoros+septuagint|título=The Old Enemy: Satan and the Combat Myth|autor=Neil Forsyth|editora=Princeton University Press|ano=1989|página=136|isbn=978-0-69101474-6|acessodata=22 de dezembro de 2012}}</ref><ref>{{citar livro|url=http://books.google.com/?id=SD6-YKBqGr0C&pg=PA35&dq=heosphoros+septuagint|título=The Devil: What Does He Look Like?|autor=Nwaocha Ogechukwu Friday|data=30 de maio de 2012|editora=American Book Publishing|página=35|isbn=978-1-58982662-5|acessodata=10 de julho de 2014}}</ref><ref name="Adelman">{{citar livro|url=http://books.google.com/books?id=Z7Ue5kAkw20C&printsec=frontcover|título=The Return of the Repressed: Pirqe De-Rabbi Eliezer and the Pseudepigrapha|último=Adelman|primeiro=Rachel|editora=Brill|ano=2009|local=[[Leiden]]|página=[http://books.google.com/books?id=Z7Ue5kAkw20C&pg=PA67&dq=heosphoros+%22Dante+and+Milton%22 67]|isbn=9-00417049-9}}</ref>'' (ἑωσφόρος),<ref>{{citar web|url=http://www.septuagint.org/LXX/Isaiah/14|título=LXX Isaiah 14|editora=Septuagint.org|acessodata=10 de julho de 2014|língua=grego}}</ref><ref>{{citar web|url=http://sepd.biblos.com/isaiah/14.htm|título=LXX Isaiah 14|editora=Biblos.com|acessodata=10 de julho de 2014|língua=Greek}}</ref><ref>{{citar web|url=http://www.blueletterbible.org/Bible.cfm?b=Isaiah&c=14&t=LXX|título=Greek Septuagint (LXX) Isaiah - Chapter 14|editora=Blue Letter Bible|acessodata=6 de maio de 2014|língua=grego}}</ref> que significa "o que traz o anoitecer",<ref>{{citar livro|último =Taylor|primeiro =Bernard A.; with word definitions by J. Lust|título=Analytical lexicon to the Septuagint|ano=2009|editora=Hendrickson editoras, Inc.|local=Peabody, Mass.|isbn=1-56563516-7|url=http://books.google.com/books?id=JNaDupoSycMC&pg=256&dq=ἑωσφόρος|edição=Expanded|coautores=Eynikel, E.; Hauspie, K.|página=256}}</ref> "o que leva a luz''"'', representando o planeta Vênus, que é visível antes do alvorecer.<ref>{{citar livro|título=Yahweh and the gods and goddesses of Canaan|ultimo=Day|primeiro=John|editora=Sheffield Academic Press|ano=2002|local=Londres|página=166|páginas=|isbn=9780567537836|acessodata=}}</ref><ref>{{Citar periódico|ultimo=Vailatti|primeiro=Carlos Augusto|data=2014-12-31|titulo=O REI DA BABILÔNIA E O REI DE TIRO: Uma Análise de Isaías 14:12-15 e Ezequiel 28:11-19|url=http://revistas.fflch.usp.br/vertices/article/view/2112|jornal=Revista Vértices|lingua=pt|volume=0|numero=0|paginas=107–138|issn=2179-5894}}</ref>
Por exemplo, [[Tradução Brasileira da Bíblia]]:
Jesus, no livro de apocalipse (22:16) autodenomina-se "resplandescente estrela da manhã". O termo é usado separadamente em {{citar bíblia|Apocalipse|2|26, 28}} e {{citar bíblia|Isaías|14|12}}<ref name="Vulgate Latin: Isaiah Chapter 14">{{citar web|url=http://www.sacred-texts.com/bib/vul/isa014.htm#012 |título=Vulgate: Isaiah Chapter 14 |editora=Sacred-texts.com |acessodata=10 de julho de 2014 |língua=Latin}}</ref>, na [[Traduções da Bíblia em língua portuguesa#Tradução de António Pereira de Figueiredo|tradução de Figueiredo]], ''"como caíste do céu, ó Lúcifer, tu que ao ponto do dia parecias tão brilhante?".''
{{citação2|E temos, mui firme, a palavra dos profetas, à qual bem fazeis em estar atentos, como a uma luz que alumia em lugar escuro, até que o dia amanheça, e a estrela da alva apareça em vossos corações.|2 Pedro 1:19 Tradução Almeida Fiel}}
Este mesmo trecho em [[latim]], na ''[[Vulgata]]'' é:
{{citação2|Et habemus firmiorem propheticum sermonem cui bene facitis adtendentes quasi lucernae lucenti in caliginoso loco donec dies inlucescat et '''lucifer''' oriatur in cordibus vestris.| 2 Pedro 1:19<ref>{{citar web| url = http://mlbible.com/2_peter/1-19.htm| título = 2 Pedro 1:19| publicado = Biblos.org| língua = latim| acessodata = 08/09/2011}}</ref>}}
 
{{Citação-2colunas
É por esta razão que é possível encontrar pessoas com nome "Lúcifer" entre os primeiros cristãos, sendo o exemplo mais famoso [[Lúcifer (bispo)|São Lúcifer]], bispo de Sardenha, onde existe a única igreja à São Lúcifer conhecida.<ref>{{1913CE|Lucifer of Cagliari}}</ref>
|header=
{{citação2|quote1=E temos, mui firme, a palavra dos profetas, à qual bem fazeis em estar atentos, como a uma luz que alumia em lugar escuro, até que o dia amanheça, e a '''estrela da alva''' apareça em vossos corações.|2 Pedro 1:19 Tradução Almeida Fiel}}
:''2 Pedro 1:19 Tradução Almeida Fiel''
{{citação2|quote2=Et habemus firmiorem propheticum sermonem cui bene facitis adtendentes quasi lucernae lucenti in caliginoso loco donec dies inlucescat et '''lucifer''' oriatur in cordibus vestris.| 2 Pedro 1:19<ref>{{citar web| url = http://mlbible.com/2_peter/1-19.htm| título = 2 Pedro 1:19| publicado = Biblos.org| língua = latim| acessodata = 08/09/2011}}</ref>}}
:'' 2 Pedro 1:19 na bíblia latina [[Vulgata]]''<ref>{{citar web| url = http://mlbible.com/2_peter/1-19.htm| título = 2 Pedro 1:19| publicado = Biblos.org| língua = latim| acessodata = 08/09/2011}}</ref>
}}
 
== Interpretação religiosa ==
=== O rei da Babilônia ===
Na [[Traduções da Bíblia em língua portuguesa#Tradução de António Pereira de Figueiredo|tradução de Figueiredo]] verte [[Isaías]] 14:12: ''"Como caíste do céu, ó Lúcifer, tu que ao ponto do dia parecias tão brilhante?"''
 
=== Judaísmo ===
'''Lúcifer''' (do [[latim]] ''Lux fero'', portador da Luz, em [[hebraico]], ''heilel ben-shahar'', הילל בן שחר; em [[Grécia|grego]] na [[Septuaginta]], ''heosphoros'') significa "o que leva a luz''"'', representando ao ''portador de luz'', o planeta Vênus, que é visível antes do alvorecer.<ref>{{Citar periódico|ultimo=Vailatti|primeiro=Carlos Augusto|data=2014-12-31|titulo=O REI DA BABILÔNIA E O REI DE TIRO: Uma Análise de Isaías 14:12-15 e Ezequiel 28:11-19|url=http://revistas.fflch.usp.br/vertices/article/view/2112|jornal=Revista Vértices|lingua=pt|volume=0|numero=0|paginas=107–138|issn=2179-5894}}</ref> Provém duma raiz que significa "brilhar" (Jó 29:3), e aplicava-se a uma metáfora aplicada aos excessos de um "[[Império Neobabilônico|rei de Babilônia]]", não a uma entidade em si, como afirma o pesquisador iconográfico Luther Link,<ref>(LINK, Luther.O Diabo: máscara sem rosto. São Paulo: Companhia das Letras, 1998)</ref>'' "Isaías não estava falando do Diabo.Usando imagens possivelmente retiradas de um antigo mito cananeu, Isaías referia-se aos excessos de um ambicioso rei babilônico."''
A religião [[Judaísmo|judaica]] não possui um ser todo malévolo, que combata contra o Criadorcriador. Por outro lado, o nome ''hilel ben shachar'' ({{lang|he|הילל בן שחר}}, filho d'alva), achado nos livros dos Profetasprofetas [[Isaías|Isaías e Ezequiel]] a quem muitos atribuemligam aoo Diabo, não tem importância no contexto judaico relevo nenhum tem, pois trata-se trata de uma referência ao [[Império Neobabilônico|rei da Babilônia]], [[Nabucodonosor II]], que assim era daquela alcunha chamado. Atribui-se ao erro de interpretação, segundo a visão hebraica, a leitura da frase fora do contexto geral, pelo qual o profeta fazia uma exortação direta ao monarca.<ref>{{Citar livro|título=Enciclopédia da Bíblia|primeiro=John|último=Drane|local=São Paulo|editora=Loyola|ano=2009|página=285}}</ref><ref>{{Citar web|url=http://www.verdadesbiblicas.com.br/estudos/134-nabucodonosor-118|título=Nabucodonosor|acessodata=27.jun.2012|arquivourl=https://web.archive.org/web/20111231184618/http://www.verdadesbiblicas.com.br/estudos/134-nabucodonosor-118|arquivodata=2011-12-31|urlmorta=yes}}</ref><ref>{{Citar livro|título=Lucifer|subtítulo=the devil in the middle ages|primeiro=Jeffrey Burton|último=Russel|local=Nova Iorque|editora=CUP|ano=1984|página=192-193}}</ref>
 
=== Catolicismo ===
A expressão hebraica (heilel ben-shahar) é traduzida como "O que brilha", nas versões NM, MC, So. A tradução "Lúcifer" (portador de luz), (Fi, BMD) deriva da [[Vulgata latina]] de [[São Jerônimo|São Jerónimo]] e isso explica a ocorrência desse termo em diversas versões da Bíblia.
De acordo com [[Jerônimo de Estridão|São Jerônimo]], Lúcifer era o nome do principal anjo caído, e seu nome em hebraico, ''helel'', é derivado do verbo ''lamentar'', pois ele lamenta a sua queda e a perda do seu brilho. Esta visão prevaleceu entre os [[Padres da Igreja]], de forma que Lúcifer não fosse o nome próprio do diaboDiabo, mas apenas o seu estado anterior à queda.{{carece de fontes}}
 
ConformeSegundo o teólogo e parapsicólogo, [[Padre Quevedo|Óscar G. Quevedo]], Lúcifer passou a ser identificado como [[Satã]], após [[Orígenes]], sendo a passagem de {{Citar bíblia|Isaías|14|12}} comouma sendorepresentação umada queda do reinado tirânico de [[Nabucodonosor II]], rei da [[Babilônia]]; a queda de Hélél ben Shadar da mitologia fenícia. Sendo assim, uma ameaça divina meramente metafórica, sendo posteriormente materializadadifundida porentre judeus eos cristãos, convertendo esses deuses pagãos em demônios, algo alheio a revelação, ou seja, metafórico. NãoInexiste existindo nada comqualquer relação aoa um anjo caído, nem relação direta com aas terminologiaterminologias ''[[Diabo]]'', que provemvem do latim, ''[[Satanás|Satã]]'', origináriaoriunda do hebraico ou(''Shai'tan'' יריב ) e [[Demónio|''demônio'']], que provemtem doorigem gregogrega (''heōsphoros)''.<ref name=":0">GONZÁLEZGonzález - QUEVEDOQuevedo, Oscar. Antes que os demônios voltem, Ed. Loyola, São Paulo,1989. p. 321-322</ref>
Mas alguns argumentam que Lúcifer seja Satanás e por isso, também foi o nome dado ao anjo caído, da ordem dos Querubins (Ez 28.14). Assim, muitos nos dias de hoje, numa nova interpretação da palavra, o chamam de [[Diabo]] (caluniador, acusador), ou [[Satã]], cuja origem é o [[hebraico]] ''Shai'tan'' יריב (Em Português,Adversário)
 
== Judaísmo ==
A religião [[Judaísmo|judaica]] não possui um ser todo malévolo, que combata contra o Criador. Por outro lado, o nome ''hilel ben shachar'' ({{lang|he|הילל בן שחר}}, filho d'alva), achado nos livros dos Profetas [[Isaías|Isaías e Ezequiel]] a quem muitos atribuem ao Diabo, no contexto judaico relevo nenhum tem, pois se trata de uma referência ao [[Império Neobabilônico|rei da Babilônia]], [[Nabucodonosor]], que era daquela alcunha chamado. Atribui-se ao erro de interpretação, segundo a visão hebraica, a leitura da frase fora do contexto geral, pelo qual o profeta fazia uma exortação direta ao monarca.<ref>{{Citar livro|título=Enciclopédia da Bíblia|primeiro=John|último=Drane|local=São Paulo|editora=Loyola|ano=2009|página=285}}</ref><ref>{{Citar web|url=http://www.verdadesbiblicas.com.br/estudos/134-nabucodonosor-118|título=Nabucodonosor|acessodata=27.jun.2012|arquivourl=https://web.archive.org/web/20111231184618/http://www.verdadesbiblicas.com.br/estudos/134-nabucodonosor-118|arquivodata=2011-12-31|urlmorta=yes}}</ref><ref>{{Citar livro|título=Lucifer|subtítulo=the devil in the middle ages|primeiro=Jeffrey Burton|último=Russel|local=Nova Iorque|editora=CUP|ano=1984|página=192-193}}</ref>
 
== Conceito da Igreja Católica ==
De acordo com [[Jerônimo de Estridão|São Jerônimo]], Lúcifer era o nome do principal anjo caído, e seu nome em hebraico, ''helel'', é derivado do verbo ''lamentar'', pois ele lamenta a sua queda e a perda do seu brilho. Esta visão prevaleceu entre os [[Padres da Igreja]], de forma que Lúcifer não fosse o nome próprio do diabo, mas apenas o seu estado anterior à queda.
 
Conforme o teólogo e parapsicólogo, [[Padre Quevedo|Óscar G. Quevedo]], Lúcifer passou a ser identificado como [[Satã]], após Orígenes, sendo a passagem de {{Citar bíblia|Isaías|14|12}} como sendo uma queda do reinado tirânico de [[Nabucodonosor II]], rei da [[Babilônia]]; a queda de Hélél ben Shadar da mitologia fenícia. Sendo assim, uma ameaça divina meramente metafórica, sendo posteriormente materializada por judeus e cristãos, convertendo esses deuses pagãos em demônios, algo alheio a revelação, ou seja, metafórico. Não existindo nada com relação ao um anjo caído, nem relação direta com a terminologia [[Diabo]], que provem do latim, Satã originária do hebraico ou [[Demónio|demônio]] que provem do grego.<ref>GONZÁLEZ- QUEVEDO, Oscar. Antes que os demônios voltem, Ed. Loyola, São Paulo,1989. p. 321-322</ref>
 
[[Ficheiro:Paradise Lost 12.jpg|thumb|right|260px|''"A queda de Lúcifer"'', ilustração de [[Gustave Doré]] para o livro ''[[O Paraíso Perdido]]'' de [[John Milton]].]]
 
=== A visão teosóficaTeosofia ===
Corroborando outras opiniões, oO ''[[Glossário Teosófico]]'' de [[Helena Blavatsky]] diz que Lúcifer é a Estrela da Manhã, o planeta Vênus, e literalmentemenciona ainda a palavraserpente significasuméria ''Oque Portadoros hebreus usaram no mito da Luz''criação. Rejeita a atribuição a Lúcifer dos defeitos do orgulho e da arrogância que o [[cristianismo]] lhe imputou, nemnão diz que ele é a origem do mal e tampouco o identifica com o diabo e similares, queconsiderando consideraesta interpretação como produtosproduto apenas da imaginação humana sem existência autônoma real. Blavatsky faztambém notar, como já foi dito acima,cita que o próprio Cristo, em {{citar bíblia|Apocalipse|22|16}}, chama a si mesmo de "Estrela da Manhã".<ref>{{citar livro|título=Glossário Teosófico|ultimo=Blavatsky|primeiro=Helena Petrovna|editora=Ground|ano=1982|local=|páginas=784|isbn=85-7187071-3|acessodata=}}</ref>
 
== Lúcifer na Mídiacultura popular ==
Apocalipse 22:16 Eu
* No anime Ao no[[Blue exorcistExorcist]], Lúcifer é o rei da luz. Ee o mais forte dos 8 Reis Demônios.
 
# Eu, Jesus, enviei o meu anjo para vos testificar estas coisas a favor das igrejas. Eu sou a raiz e a geração de Davi, a estrela brilhante, e da manhã.
 
É bem claro Jesus é Lúcifer em eu sou a raiz e a estrela da manhã. Mas a estrela da manhã é Vênus, e todas as deusas da fertilidade, Afrodite da Grécia, Isthar, Lilith e Anunit da Babilônia e todas vem de Inana da Suméria.
 
Inana inclusive sua forma é a serpente suméria a que os hebreus usaram no mito da criação.
 
<br />
 
#
 
== Lúcifer na Mídia ==
 
*No anime Ao no exorcist, Lúcifer é o rei da luz. E o mais forte dos 8 Reis Demônios.
* Na Animação [[Cinderela]] da [[Disney]], Lúcifer é o nome do gato da Madrasta<ref name="cinderela">{{Citar web |url=http://www.cineplayers.com/filme.php?id=1517|título=Cinderela (1950)|autor=Cine Players|acessodata=22 de setembro de 2010}}</ref>
* No mangá [[Beelzebub]], Lúcifer é o maior rei entre os demônios
* No mangá HunterXHunter[[Hunter × Hunter]], Lúcifer é o sobrenome dode Kuroro, o líder do Genei Ryodan, Kuroro
* Na obra de [[Neil Gaiman]], [[Sandman (revista em quadrinhos)|Sandman]], Lúcifer é um dos três Reisreis do Inferno, além de ser o primeiro dos caídos do paraíso.
* Na série [[Supernatural (série de televisão)|Supernatural]] da CW, Lucifer é um arcanjo caído, o Diabo, e pai de todos os demônios.&nbsp;também conhecido como a Estrela da Manhã.
* Na obra literária de [[Eduardo Spohr]], [[A Batalha do Apocalipse]], Lúcifer é o mais belo e carismático dentre os cinco arcanjos e o rebelde que jáz em Sheol.
* No anime Shingeki no Bahamut: Gênesis, Lúcifer é o ser soberano do Inferno, que junto com os anjos e outros demônios, selou o Bahamut.
* No anime ''[[Hataraku maouMao-sama!]]'', Lúcifer é um dos quatro generais do rei demônio Satã.
* Na série [[tokusatsu]] [[Cybercops]], há um personagem com uma unidade (armadura tecnológica) de mesmo nome, que inclusive não é um dos vilões, sendo uma espécie de anti-herói.
* Na série [[Lucifer (série de televisão)|Lúcifer]] anteriormente da Fox, agora da [[Netflix]], entediado e infeliz como o Senhorsenhor do inferno, Lúcifer abdica de seu trono e abandona seu reinado para ir para Los Angeles
* Na série [[Supernatural (série de televisão)|Supernatural]] da [[The CW|CW]], Lucifer é um arcanjo caído, o Diabo, e pai de todos os demônios.&nbsp;também conhecido como a Estrela da Manhã.
* Na série de jogos [[Shin Megami Tensei]], Lúcifer aparece em várias versões
* Na série [[Fallen (série)|Fallen]], Lúcifer domina o inferno e busca a redenção para retornar ao Céucéu e conquistaconquistá-lo.
 
== Ver também ==
* Na obra de Neil Gaiman, Sandman, Lúcifer é um dos três Reis do Inferno, além de ser o primeiro dos caídos do paraíso.
{{duas colunas|
* Na obra literária de Eduardo Spohr, [[A Batalha do Apocalipse]], Lúcifer é o mais belo e carismático dentre os cinco arcanjos e o rebelde que jáz em Sheol.
* [[Satã]]
* No anime Hataraku maou-sama! Lúcifer é um dos quatro generais do rei demônio Satã.
* [[Arimã]]
* Na série tokusatsu [[Cybercops]], há um personagem com uma unidade(armadura tecnológica) de mesmo nome, que inclusive não é um dos vilões, sendo uma espécie de anti-herói.
* [[Afrodite]]
* Na série [[Lucifer (série de televisão)|Lúcifer]] anteriormente da Fox, agora da [[Netflix]], entediado e infeliz como o Senhor do inferno, Lúcifer abdica de seu trono e abandona seu reinado para ir para Los Angeles
* [[Astarte]]
* Nas obras literárias de Marcelo de Lima Lessa, "Gênesis Proibido - A Tragédia de Adão e Lilith" e "Evangelho Perdido - a História Oculta de Jesus".
}}
* Na série de jogos Shin Megami Tensei, Lúcifer ja fez diversas participações. <ref>{{Citar periódico|titulo=Lucifer|url=http://megamitensei.wikia.com/wiki/Lucifer|jornal=Megami Tensei Wiki|lingua=en}}</ref>
*Na série Fallen, Lúcifer domina o inferno e busca a redenção para retornar ao Céu e conquista-lo.
 
{{Referências|col=2}}
* {{Link||2=http://www.estudosdabiblia.net/bd510.htm |3=Quem é Lúcifer?}}
* {{Link||2=http://www.newadvent.org/cathen/09410a.htm |3=Catholic Encyclopedia: Lucifer}}
* {{Link||2=http://www.clxv.org/livros/clxv/CLXV_Luz_e_Fogo.htm |3=Luz e Fogo -: O Mistério de Lúcifer}}
 
{{Controle de autoridade}}
{{DEFAULTSORT:Lucifer}}
 
[[Categoria:Demónios no cristianismo]]
[[Categoria:Anjos caídos]]