Diferenças entre edições de "Ideologia"

509 bytes removidos ,  12h07min de 28 de setembro de 2019
m
Foram revertidas as edições de 94.63.241.228 para a última revisão de 189.55.61.137, de 22h22min de 9 de setembro de 2019 (UTC)
m (Foram revertidas as edições de 94.63.241.228 para a última revisão de 189.55.61.137, de 22h22min de 9 de setembro de 2019 (UTC))
Etiqueta: Reversão
{{ver desambiguação}}
{{Política}}
O'''Ideologia''' é um termo podeque assumirpossui diferentes significados e duas concepções: a neutra e a [[crítica]].<ref name="CONSC">{{citar web|url=http://www.consciencia.org/sobre-a-ideologia|título=Sobre a Ideologia|língua3=pt|autor=Pompeo, Flávio Sposto|data=13 de abril de 2008|publicado=consciencia.org|acessodata=9 de janeiro de 2012}}</ref> No [[senso comum]] o termo ideologia é sinônimo ao termo [[:wikt:ideário|ideário]], contendo o sentido neutro de conjunto de ideias, de pensamentos, de [[doutrina]]s ou de visões de mundo de um indivíduo ou de um grupo, orientado para suas ações sociais e, principalmente, [[política]]s. Para autores que utilizam o termo sob uma concepção crítica, ideologia pode ser considerado um instrumento de dominação que age por meio de convencimento ([[persuasão]] ou [[dissuasão]], mas não por meio da força física) de forma prescritiva, [[alienação|alienando]] a consciência humana.
'''Ideologia,''' acção intencional que se destina a alterar a verdade ou o direito maior através de teorias com ou sem fundamento mas com resultado inexistente, escondido ou no mínimo duvidoso, ou para impor uma visão da sociedade e do mundo e a forma de agir da sociedade ou das pessoas de uma comunidade. Normalmente o resultado esperado pelo ideológico (exemplos: Comunismo e Socialismo ou o nazismo), é a invasão de território, roubo, perseguição, eliminação cultural, escravatura a uma elite ou raça, etc.
 
O termo pode assumir diferentes significados e duas concepções: a neutra e a [[crítica]].<ref name="CONSC">{{citar web|url=http://www.consciencia.org/sobre-a-ideologia|título=Sobre a Ideologia|língua3=pt|autor=Pompeo, Flávio Sposto|data=13 de abril de 2008|publicado=consciencia.org|acessodata=9 de janeiro de 2012}}</ref> No [[senso comum]] o termo ideologia é sinônimo ao termo [[:wikt:ideário|ideário]], contendo o sentido neutro de conjunto de ideias, de pensamentos, de [[doutrina]]s ou de visões de mundo de um indivíduo ou de um grupo, orientado para suas ações sociais e, principalmente, [[política]]s. Para autores que utilizam o termo sob uma concepção crítica, ideologia pode ser considerado um instrumento de dominação que age por meio de convencimento ([[persuasão]] ou [[dissuasão]], mas não por meio da força física) de forma prescritiva, [[alienação|alienando]] a consciência humana.
 
Para alguns, como Karl Marx, a ideologia age mascarando a realidade.<ref name="UOLEDU">{{citar web|url=http://educacao.uol.com.br/sociologia/ideologia-termo-tem-varios-significados-em-ciencias-sociais.jhtm|título=Ideologia — Termo tem Vários Significados em Ciências Sociais|língua3=pt|autor=Cancian, Renato|publicado=Uol Educação|acessodata=9 de janeiro de 2012}}</ref> Os pensadores adeptos da [[Teoria Crítica]] da [[Escola de Frankfurt]] consideram a ideologia como uma ideia, discurso ou ação que mascara um objeto, mostrando apenas sua aparência e escondendo suas demais qualidades. Já o sociólogo contemporâneo John B. Thompson também oferece uma formulação crítica ao termo ideologia, derivada daquela oferecida por Marx, mas que lhe retira o caráter de ilusão (da realidade) ou de falsa consciência, e concentra-se no aspecto das relações de dominação.