Diferenças entre edições de "Sistema de numeração"

3 bytes removidos ,  09h26min de 14 de outubro de 2019
m
Correcção gramatical.
m (Foram revertidas as edições de Aguacomamao, com o conteúdo passando a estar como na última edição de FSogumo. O número de dígitos de um número inteiro é finito, qualquer que seja o inteiro em questão)
Etiqueta: Reversão
m (Correcção gramatical.)
{{Sistemas numéricos}}
Um '''sistema de numeração''' (ou '''sistema numeral'''), é um sistema em que um conjunto de números sãoé representadosrepresentado por numerais de uma forma consistente. Pode ser visto como o ''contexto'' que permite ao numeral "11" ser interpretado como o [[numeral romano]] para ''dois'', o [[sistema binário (matemática)|numeral binário]] para ''três'' ou o numeral [[decimal]] para ''onze''. Em condições ideais, um sistema de numeração deve: representar uma grande quantidade de números úteis (ex.: todos os [[números inteiros]], ou todos os [[números reais]]); dar a cada número representado uma única descrição (ou pelo menos uma representação padrão); e refletir as estruturas algébricas e aritméticas dos números.
 
Por exemplo, a representação comum decimal dos números inteiros fornece a cada número inteiro uma representação única como uma [[Sequência (matemática)|sequência]] finita de [[algarismo]]s, com as operações aritméticas (adição, subtração, multiplicação e divisão) estando presentes como os [[algoritmo]]s padrões da aritmética. Contudo, quando a representação decimal é usada para os [[números racionais]] ou para os [[números reais]], a representação deixa de ser padronizada: muitos números racionais têm dois tipos de numerais, um padrão que tem fim (por exemplo 2,31), e outro que repete-se periodicamente (como 2,30999999...).
8

edições