Diferenças entre edições de "Dívida pública de Portugal"

2 bytes removidos ,  15h06min de 23 de outubro de 2019
Desfeita a edição 56539735 de 2001:818:EB1E:5D00:7546:DC12:51E7:1866
(Desfeita a edição 56539735 de 2001:818:EB1E:5D00:7546:DC12:51E7:1866)
Etiqueta: Desfazer
A '''Dívida pública de [[Portugal]]''', também denominada como '''dívida das administrações públicas''' de Portugal, é o valor que o [[Estado português]] deve, externa e internamente, através dos seus diversos compromissos financeiros.<ref>{{Citar web|url=http://www.infopedia.pt/$divida-publica|titulo=dívida pública|acessodata=2016-08-22|obra=infopédia}}</ref>
 
No final do primeiro semestre de 20182016, a dívida pública de Portugal situava-se, na ótica de Maastricht, em 131,6% do [[Produto Interno Bruto|PIB]],<ref>{{Citar web|url=http://sicnoticias.sapo.pt/economia/2016-08-22-Divida-publica-sobe-para-1316-do-PIB-em-junho|titulo=Dívida pública sobe para 131,6% do PIB em junho|data=22.08.2016|acessodata=2016-08-22|obra=|publicado=SIC Notícias|ultimo=Lusa|primeiro=}}</ref> ou seja, cerca de 240 mil milhões de euros, valor que representa aproximadamente 23 mil euros por habitante.<ref>{{citar web|URL=http://www.jornaldenegocios.pt/economia/detalhe/divida_publica_tera_atingido_129_do_pib_no_final_de_2013.html |título=Dívida pública terá atingido 129% do PIB no final de 2013 |autor=Catarina Almeida Pereira|data=31 de Janeiro de 2014 |publicado=jornal de Negócios}}</ref> O valor em causa, corresponde aproximadamente a um ano e três meses de produção nacional.<ref>{{Citar web|url=http://www.wolframalpha.com/input/?i=130%2525*+1+year|titulo=Wolfram Alpha: Computational Knowledge Engine|data=|acessodata=2016-08-22|obra=www.wolframalpha.com|publicado=|ultimo=|primeiro=}}</ref>
 
==Crescimento da dívida==
*Uma boa parcela da dívida até 2011 estava "oculta", pois apesar de tecnicamente ser pública, pois era devida por empresas públicas (Metro, CP, Carris, REFER, etc.) ou de empresas no perímetro do Estado, a mesma não era apresentada na contabilidade oficial da dívida. Desde 2011 que essa dívida tem passado gradualmente para o domínio do [[Tesouro nacional|Tesouro]], ficando as empresa públicas obrigadas a financiarem-se junto do Orçamento de Estado e não da banca comercial. A título de exemplo, à data da assinatura do memorando, só a dívida das empresas de transportes públicos rondava 17 mil milhões de euros, cerca de 10% do PIB.
*Tendo o [[Banco Central Europeu|BCE]], a [[Comissão Europeia]] e o FMI emprestado a Portugal cerca de 78 mil milhões de euros (47% do PIB), aquando do [[Memorando de Políticas Económicas e Financeiras (Portugal)|memorando de entendimento]], esse mesmo valor foi sendo gradualmente adicionado à dívida pública.
[[FicheiroImagem:Eurostat public debt GDP.png|318x318px|thumb|direita|A dívida pública dos países da União Europeia, segundo o Eurostat]]Tende-se a concluir que a subida da dívida pública relativamente ao PIB desde o início do programa de ajustamento, deve-se principalmente ao efeito acumulado da recessão, iniciada em 2009 e terminada em 2014, combinada com vários factores, tais como a reforma do [[Sistema Europeu de Contas Nacionais e Regionais]] introduzida em 2013, que levou à contabilização de dívidas ocultas de [[parceria público-privada|parcerias publico-privadas]] e de dívidas de empresas públicas,<ref>{{citar jornal
|url=http://www.dn.pt/inicio/economia/interior.aspx?content_id=2942019
|título=Subida da dívida pública deve-se em muito à reclassificação de PPP e empresas públicas
2 668

edições