Diferenças entre edições de "Biorremediação"

20 bytes removidos ,  15h33min de 24 de outubro de 2019
m
manutênção refs.
(Desfeita a edição 55841895 de 191.162.56.10)
Etiqueta: Desfazer
m (manutênção refs.)
{{reciclar-sobre|Ambiente|data=Fevereiro de 2008}}
 
{{Poluição}}A '''Biorremediação''' é o processo pelo qual organismos vivos tais como, microrganismos, fungos, plantas, algas verdes ou suas enzimas são utilizados para reduzir ou remover - remediar - contaminações no ambiente. Utilizando processos biodegradáveis para tratamento de resíduos este processo é capaz de regenerar o equilíbrio do ecossistema original. O vantajoso é o fato de ser simples, barato e menos prejudicial que os processos não biológicos. A utilização de bactérias Pseudomonas spp. na descontaminação de ambientes contaminados por petróleo é um exemplo. Essas e outras bactérias similares oxidam vários compostos orgânicos perigosos, alterando-os em compostos não nocivos ao meio ambiente.<ref>{{citar livro|título=Biologia dos organismos. 3ª edição. São Paulo: Moderna, 2010. 59 p.|ultimo=AMABIS; MARTHO,|primeiro=J.; G. R.|editora=Moderna|ano=2010|local=São Paulo|páginas=59|acessodata=05/10/2017}}</ref>
Especificamente, a biorremediação atua através da introdução de processos biológicos adicionais para a decomposição dos resíduos que favorecem e incrementam a velocidade do processo natural de degradação.
 
# ''Processos biológicos'' são aqueles que alteram a natureza da matéria e de seus contaminantes, tendo como fundamento a ação microbiana;
# ''Processos químicos'' são aqueles que alteram a natureza da matéria e de seus contaminantes, tendo como fundamento a ação de substâncias químicas.
 
{{referências}}
 
[[Categoria:Biotecnologia]]
[[Categoria:Tecnologias ambientais]]