Diferenças entre edições de "Metal alcalino"

3 bytes removidos ,  14h27min de 30 de outubro de 2019
m
A IUPAC recomenda o uso de grupos com numeração de 1 a 18. Sem uso de letras A ou B.
m (A IUPAC recomenda o uso de grupos com numeração de 1 a 18. Sem uso de letras A ou B.)
|}</div>
 
Os '''metais alcalinos''' são [[elemento químico|elementos químicos]] do [[Grupo (química)|grupo]] 1A1 da [[tabela periódica]] com propriedades similares. O grupo é formado pelos seguintes [[Metal|metais]]: [[Lítio|lítio (Li)]], [[Sódio|sódio (Na)]], [[Potássio|potássio (K)]] , [[Rubídio|rubídio (Rb)]], [[Césio|césio (Cs)]] e [[Frâncio|frâncio (Fr)]].<Ref>{{Link|pt|2=http://www.tabelaperiodicacompleta.com/metais-alcalinos/|3= Metais Alcalinos - Tabela Periódica Completa}}</ref>
 
Têm este nome porque reagem muito facilmente e violentamente com a [[água]] e, quando isso ocorre, formam [[base (química)|hidróxidos]] (substâncias básicas ou alcalinas), liberando [[hidrogênio]]. Estes metais também reagem facilmente com o [[oxigênio]] produzindo [[óxido]]s.
Estes metais também reagem facilmente com o [[oxigênio]] produzindo [[óxido]]s.
 
Equação química:
A [[eletropositividade]] e a [[reatividade]] destes elementos tende a crescer, no grupo, de baixo para cima se visto do ponto de vista termodinâmico (liberação de energia), pois quanto menor, mais o elemento se hidrata, oxidando mais rápido e reagindo mais rápido, se visto do ponto de vista cinético (velocidade da reação)a reatividade tende a crescer de cima para baixo, pois quanto maior os átomos mais fácil de perder o seu elétron de valência e mais rápido reage.
 
Apresentam um único [[elétron]] nos seus níveis de energia mais externos ( em subnível '''s''' ) , tendendo a perdê-lo, transformando-se em íons monopositivos: M<sup>+</sup>.
 
O [[hidrogênio]], com um único elétron, está situado normalmente na tabela periódica no mesmo grupo dos metais alcalinos (ainda que às vezes apareça separado destes em outra posição). Porém, a energia necessária para arrancar o elétron do hidrogênio é muito mais elevada do que a qualquer alcalino.
Porém, a energia necessária para arrancar o elétron do hidrogênio é muito mais elevada do que a qualquer alcalino.
 
Como nos [[halogênio]]s o hidrogênio necessita receber um único elétron para completar o seu nível mais externo.
 
Na sua forma elementar é encontrado como uma [[molécula]] diatômica, H<sub>2</sub>. Pode formar [[sal|sais]] denominados [[hidreto]]s (MH) com os alcalinos, de forma que o metal cede um elétron ao hidrogênio, como se o hidrogênio fosse um halogênio. Devido a peculiaridade do hidrogênio prefere-se não classificar o hidrogênio em nenhuma série química.
Pode formar [[sal|sais]] denominados [[hidreto]]s (MH) com os alcalinos, de forma que o metal cede um elétron ao hidrogênio, como se o hidrogênio fosse um halogênio.
Devido a peculiaridade do hidrogênio prefere-se não classificar o hidrogênio em nenhuma série química.
 
== Ver também ==
366

edições