Diferenças entre edições de "Androgynos (judaísmo)"

12 bytes removidos ,  15h01min de 30 de novembro de 2019
erro ortográfico conforme apontado em Discussão:Não-binariedade#Binariedade e binaridade
m (traduções nas citações, outros ajustes)
(erro ortográfico conforme apontado em Discussão:Não-binariedade#Binariedade e binaridade)
Ao determinar o gênero jurídico de indivíduos ''androgynos'', uma minoria das decisões da lei Judaica, Posek classifica ''androgynos'' como completamente masculino. Portanto, ''androgynos'' indivíduos seriam obrigados, por lei, da mesma forma que os homens.<ref name=":1">{{citar livro|título=Encyclopedia Talmudit, Volume 2, s.v. "אנדרוגינוס"|último =|primeiro =|publicado=|ano=|isbn=|local=|páginas=}}</ref> No entanto, a maioria de comentaristas talmúdicos e legisladores judeus não atribuem ''androgynos'' um gênero fixo, e em vez disso, os deixam em um estado de duvida identitária. Devido a pessoa ''androgynos'' incerta da identidade, eles podem ser classificados em diferente formas, em vários casos—por vezes, do sexo masculino, por vezes feminino, às vezes, tanto masculino e feminino, e outras vezes nenhum. As ramificações legais de tal atitude, força o indivíduo a aderir à lei Judaica como ''ambos'' masculino e feminino.<ref>{{Citar livro|título=Maimonides, Mishneh Torah, Hilchot Avodat Kochavim, 12:4}}</ref> De acordo com esta classificação, nos casos em que a lei é diferente para homens e mulheres, ''androgynos'' devem respeitar as mais rigorosas e estritas opções. Por exemplo, o tempo-limite positivo [[Mitzvá|mitzvot]] (mandamentos) que os homens são obrigados a manter e as mulheres estão isentas, ''androgynos'' devem manter a obrigação. Aqueles que classificam um ''androgynos'' como de forma definitiva, tanto homens e mulheres concordam com este princípio, apesar de prática podem ser diferentes em determinados casos. A diferença entre a classificação de um ''androgynos'' indivíduo apenas como macho ou como duvidosa a identidade iria se manifestar em um caso em que o cumprimento de um mandamento exigiria também uma bênção em conjunto. De acordo com aqueles que defendem que um ''androgynos'' tem um sexo incerto, o indivíduo não iria recitar a bênção. Isto é porque os homens só podem recitar esta bênção, e se o indivíduo não é um homem, que seria a recitar a bênção em vão. No entanto, de acordo com as opiniões que defendem que o indivíduo é totalmente masculino, depois de recitar a bênção como qualquer outro homem faria.
 
== VejaVer também ==
* [[Não binaridade-binariedade]]
 
* [[Não binaridade]]
* [[Terceiro gênero]]
* [[Identidade de gênero]]
* [[Dois-espíritos]]
 
== {{Referências ==}}
 
{{reflist}}{{Identidades de gênero e sexual}}
 
[[Categoria:Judaísmo]]
[[Categoria:Identidade de gênero]]
108 677

edições