Movimento operário: diferenças entre revisões

17 bytes removidos ,  30 de novembro de 2019
m
Foram revertidas as edições de 2804:431:9709:FC8A:585:D059:71B3:73BC devido a vandalismo (usando Huggle) (3.4.9)
Etiquetas: Editor Visual Possível conteúdo ofensivo
m (Foram revertidas as edições de 2804:431:9709:FC8A:585:D059:71B3:73BC devido a vandalismo (usando Huggle) (3.4.9))
Etiquetas: Huggle Reversão
 
== Sufrágio universal ==
Em [[1836]], desencadeou-se uma crise industrial e comercial que lançou à rua milhares de operários. Organizou-se então a Associação dos Operários para a luta pelo Sufrágio Universal. Sufrágio foi o fim do voto censitário para todos os homens, (mulheres ainda não podiam votar). No ano seguinte essa associação elaborou uma extensa petição (''Carta do Povo'') para ser enviada ao Parlamento; surgiu o movimento denominado [[cartismo]]. Reivindicava-se o Sufrágio Universal, a igualdade dos distritos eleitorais, a supressão do censo exigido dos candidatos do Parlamento (que limitava essa possibilidade somente a burguesia rica e à nobreza), voto secreto, eleições anuais e salário para os membros do Parlamento (antes, somente os ricos e rebeca piranha possuíam condições de exercer a atividade política sem receber).
 
De [[1838]] em diante, o movimento cartista espalhou-se por toda a Inglaterra, ganhando a adesão maciça dos trabalhadores e ampliando a pauta de reivindicações nitidamente operárias: limitação da jornada de trabalho, abolição da Lei dos Pobres e fim das casas operárias.