Diferenças entre edições de "Ocupação alemã de Luxemburgo durante a Segunda Guerra Mundial"

(colaboracionismo 1.0 paragafro)
(→‎Colaboracionismo: 2.0 paragrf)
Em novembro de 1918, a Alemanha assinou o [[armistício de Compiègne]] com os Aliados, pondo fim aos combates. Conforme as condições do armistício, as tropas alemãs se retiraram de todos os territórios ocupados, incluindo o Luxemburgo.<ref>{{citar web|url=https://web.archive.org/web/20060902083956/http://history.acusd.edu/gen/text/versaillestreaty/all440.html|titulo=The Versailles Treaty - June 28, 1919 (Arq. em WayBack Machine)|data=28 de Junho de 1919|acessodata=6 de Setembro de 2019}}</ref>
 
No início da Segunda Guerra Mundial, em Setembro de 1939, Luxemburgo declarou-se neutro,<ref name=":1">{{Citar web|titulo=Luxembourg 1940-1945|url=https://web.archive.org/web/20110926143806/http://www.mnhm.lu/pageshtml/aroundluxembourg.php|data=2011-09-26|publicado=National Museum of Military History}}</ref> principalmente na esperança de que isso fosse suficiente para impedir uma nova ocupação alemã. As forças armadas tinham sido aumentadas para um máximo de 268 gendarmes e 425 soldados de uma companhia de voluntários<ref name=":5">{{Citar web|titulo=Le Corps des Gendarmes et Volontaires - Historique - Lëtzebuerger Arméi|url=https://web.archive.org/web/20110914222238/http://www.armee.lu/historique/corps_gendarmes_volontaires.php|obra=web.archive.org|data=2011-09-14|acessodata=2019-11-26}}</ref> e na fronteira com a Alemanha foi criada a "Linha Schuster", um conjunto de bloqueios de estradas, em betão com portas de aço, para proteger as principais passagens fronteiriças; todas estas medidas visavam, acima de tudo, tranquilizar a opinião pública interna, fortemente preocupada com a política agressiva da Alemanha<ref name=":1">{{Citar web|titulo=Luxembourg 1940-1945|url=https://web.archive.org/web/20110926143806/http://www.mnhm.lu/pageshtml/aroundluxembourg.php|data=2011-09-26|publicado=National Museum of Military History}}</ref>. A nível militar, estas forças do Luxemburgo - mínimas, devido ás restrições do [[Tratado de Londres de 1867]] - só poderiam abrandar um eventual invasor.
 
== A Invasão==
 
=== Colaboracionismo ===
Mesmo antes da guerra do Luxemburgo, já existia um pequeno partido de extrema direita, o Partido nacional Luxemburguês (LNP), fundado em 1936, mas que nunca tinha conseguido um grande número de seguidores. A 17 de Maio de 1940, com a aprovação das autoridades ocupantes, o professor universitário Damian Kratzenberg fundou o [[Volksdeutsche Bewegung]] ("Movimento Popular Alemão" ou VDB), um movimento de inspiração nazi que foi declarado pelos alemães como o único partido político legal de todo o Luxemburgo . O VDB foi utilizado pelos alemães para propagar a política de germanização e o ''[[Heim ins Reich]]'', bem como para apoiar a anexação de Luxemburgo ao Reich. O movimento atingiu o máximo de 84.000 membros, embora os próprios alemães tenham admitido que apenas 5% deles poderiam ser considerados como verdadeiros apoiantes: o registro no movimento era muitas vezes necessário para manter o emprego.<ref name=":6">{{citar web|url=https://archive.is/DqiRF|titulo=Luxemburg Collaborationist Forces in During WWII|data=|acessodata=6 de Dezembro de 2019|publicado=Feldgrau.com (Arq. em Archive.Today)|ultimo=|primeiro=}}</ref>
 
O recrutamento no "Corpo de Gendarmes e Voluntários" do exército luxemburguês, anterior à invasão, <ref name=":5">{{Citar web|titulo=Le Corps des Gendarmes et Volontaires - Historique - Lëtzebuerger Arméi|url=https://web.archive.org/web/20110914222238/http://www.armee.lu/historique/corps_gendarmes_volontaires.php|obra=web.archive.org|data=2011-09-14|acessodata=2019-11-26}}</ref>continuou durante os primeiros meses da ocupação e até 4 de Dezembro de 1940, quando a formação foi enviada para a Alemanha para ser transformada numa unidade de polícia alemã; nessa qualidade, serviu em vários locais da Europa ocupada,nomeadamente participando na luta contra os guerrilheiros jugoslavos. <ref>{{Citar web|titulo=Virtual Museum Tour|url=https://web.archive.org/web/20110126105021/http://www.mnhm.lu/pageshtml/virtualmuseumtour.php#partb|obra=web.archive.org|data=2011-01-26|acessodata=2019-12-06}}</ref> A [[Wehrmacht]] lançou igualmente uma campanha de incentivo ao recrutamento de voluntários luxemburgueses nas forças armadas alemãs, mas o número total de recrutas não ultrapassou cerca de 2.000 homens<ref>{{citar web|url=https://archive.is/f9f4X|titulo=Luxemburg Volunteers in the German Wehrmacht in WWII|data=|acessodata=6 de Dezembro de 2019|publicado=Feldgrau.com (Arq. em ArchiveToday)|ultimo=|primeiro=}}</ref> , para além de outros 110 voluntários para as [[Allgemeine SS]].<ref name=":6">{{citar web|url=https://archive.is/DqiRF|titulo=Luxemburg Collaborationist Forces in During WWII|data=|acessodata=6 de Dezembro de 2019|publicado=Feldgrau.com (Arq. em Archive.Today)|ultimo=|primeiro=}}</ref>
 
== Ver também ==
2 263

edições