Diferenças entre edições de "Rosso come il cielo"

10 bytes removidos ,  20h46min de 10 de dezembro de 2019
m
sem resumo de edição
m ("à ele" não existe.)
m
Etiquetas: Edição via dispositivo móvel Edição via aplic. móvel Edição via aplic. iOS
 
==Enredo==
O filme abre no ano de 1971 com Mirco, um garoto toscano de dez anos brincando de cabra-cega com seus amigos,. eleEle é extrovertido e adora o cinema.; Porémporém, ele sofre um acidente com o fuzil de seu pai, perdendo quase toda sua visão - consigo enxergar apenas borrões.
 
Seu médico diz que, por lei, ele não poderá mais frequentar sua escola, tendo de ir para uma instituição para crianças com deficiência visual em Genova. Mirco, se rejeitando a aprender braille, rouba um gravador da escola e o utiliza para narrar as estações do ano, utilizando o som do chuveiro como chuva, uma bandeja de alumínio como trovões, etc. Mas o diretor o proibideproíbe, deixando claro que se ele fizesse alguma outra coisa do gênero ele seria expulso, levando o gravador consigo. No meio desses eventos, ele conhece Francesca, a filha de uma das empregadas da escola. Por mais que proibida de interagir com os alunos da escola, ela sempre se encontra com Mirco. O professor, interessado na criatividade de Mirco, devolve-lhe, escondido, o gravador a ele.
 
No fim do ano, o diretor anuncia que as crianças irão se apresentar para seus pais. Enquanto isso, com o gravador em mãos, Mirco une-se une a Francesca, criando uma história juntos. Logo ele percebe que irá precisar de mais vozes para tal, chamando as outras crianças para participarem. O diretor, percebendo que houve uma diminuição drástica de crianças no ensaio, vai atrás e descobre o esconderijo, para o desespero das crianças. Pega o gravador, chama a mãe de Francesca e decide expulsar Mirco.
 
Francesca, porém consegue montar um protesto juntando ex-alunos cegos. O professor finalmente se levanta contra o diretor, reune as crianças e as informa que a história de Mirco e Francesca será a peça de fim de ano. O filme se encerra com Mirco voltando para casa e brincando de cabra-cega com os amigos. Porém, desta vez, sem o lenço nos olhos.