Diferenças entre edições de "Sangue do diabo"

32 bytes adicionados ,  18h21min de 30 de dezembro de 2019
m
sem resumo de edição
m
m
Apesar do nome místico, o '''sangue do diabo''' é apenas uma solução avermelhada inofensiva. O nome se deve à seguinte característica dessa mistura: quando borrifada sobre um tecido branco, dá origem a uma mancha vermelha, como seria esperado; porém, após alguns minutos, essa mancha simplesmente desaparece, de modo que o tecido parece estar intacto.<ref name=":0">{{Citar web|titulo=Experimento: “Sangue do diabo” - Brasil Escola|url=https://educador.brasilescola.uol.com.br/estrategias-ensino/experimento-sangue-diabo.htm|obra=Educador Brasil Escola|acessodata=2019-12-30|lingua=pt-BR}}</ref>
 
Esse fenômeno, a princípio misterioso, é facilmente explicado por meio da [[Química]]. Inclusive, o sangue do diabo pode ser utilizado em experimentos de aulas sobre [[Base (química)|bases]] e [[Indicador de pH|indicadores de pH]].<ref name=":0" />
 
Outra aplicação desse fato corresponde a [[Pegadinha|pegadinhas]], nas quais as "vítimas" acreditam que suas roupas foram danificadas irreversivelmente, devido ao alvejamento de sangue do diabo sobre tais vestes. No entanto, acabam observando, após alguns instantes, que as manchas desaparecem espontaneamente.<ref name=":1" />
 
== Composição ==
* [[Água]].
 
O '''hidróxido de amônio''' é uma base instável em meio aquoso. Dessa maneira, quando é adicionado à água, essa substância se transforma em [[amônia]] e água.<ref name=":0" />
 
A '''fenolftaleína''' é um indicador de pH, isto é, apresenta-se de uma forma em meio [[ácido]] e de uma maneira distinta em meios [[Base (química)|básicos]]. No caso da fenolftaleína, a basicidade do entorno faz que ela adquira coloração avermelhada.<ref name=":0" />
 
A '''amônia''', liberada a partir da decomposição do hidróxido de amônio, possui caráter básico. Dessa maneira, sua presença na solução induz a fenolftaleína a apresentar-se na cor vermelha. Daí provém a pigmentação inicial do sangue do diabo.<ref name=":0" />
 
Além disso, para compreender as propriedades dessa solução, é preciso lembrar que a amônia é volátil, ou seja, evapora com facilidade. Assim, após o borrifamento do sangue do diabo sobre uma superfície qualquer, a amônia abandona rapidamente a mistura, devidopois à sua evaporaçãoevapora.<ref name=":0" />
 
Devido à saída da amônia, a [[alcalinidade]] da solução diminui. Com isso, a fenolftaleína torna-se incolor, o que acarreta o desaparecimento da mancha de sangue do diabo.<ref name=":0" />
 
A adição de '''álcool etílico''' (que é também é volátil) na mistura visa ao aumento da volatilidade da solução como um todo, de modo que, assim como a amônia, a água ali presente também evapore. Tal procedimento evita que, apesar do desaparecimento da cor vermelha indesejada no tecido, o pano continue molhado.
 
Portanto, graças a todos esses ingredientes, é possível que a mancha vermelha desapareça, deixando o tecido seco e sem a coloração malquista.
1 027

edições