Diferenças entre edições de "Roberto Alvim"

m
 
Em 16 de janeiro de 2020, como secretário especial da Cultura do [[Ministério do Turismo (Brasil)|Ministério do Turismo]], Alvim publicou nas redes sociais um vídeo institucional em que [[Paráfrase|parafraseia]] trechos de um discurso feito a diretores de teatro em 1933 por [[Joseph Goebbels]], [[Propaganda nazi|ministro da Propaganda]] da [[Alemanha Nazista]].
{{Quote|A arte brasileira da próxima década será heroica e será nacional. Será dotada de grande capacidade de envolvimento emocional e será igualmente imperativa, posto que profundamente vinculada às aspirações urgentes de nosso povo, ou então não será nada. | Roberto Alvim<ref>{{Citar web|titulo=Em vídeo, Alvim copia Goebbels e provoca onda de repúdio nas redes sociais|url=https://www1.folha.uol.com.br/ilustrada/2020/01/em-video-alvim-cita-goebbels-e-provoca-onda-de-repudio-nas-redes-sociais.shtml |obra=Folha de S. Paulo|data=2020-01-17|acessodata= 2020-01-17}}</ref>}}
 
{{Quote|A arte alemã da próxima década será heroica, será ferreamente romântica, será objetiva e livre de sentimentalismo, será nacional com grande páthos e igualmente imperativa e vinculante, ou então não será nada. | Joseph Goebbels<ref>{{Citar livro|url=http://worldcat.org/oclc/951785397 |título=Goebbels : a biography|ultimo=Longerich | first = Peter |isbn= 978-0-09-952369-7 |oclc= 951785397}}</ref>}}
 
Além disso, durante o vídeo em questão, a música de fundo era a ópera [[Lohengrin (ópera) |''Lohengrin'']], de [[Richard Wagner]], associada ao [[nazismo]],<ref>{{Citar web |url= https://oglobo.globo.com/cultura/roberto-alvim-copia-discurso-do-nazista-joseph-goebbels-causa-indignacao-24195523 |title= Roberto Alvim copia discurso do nazista Joseph Goebbels e causa indignação |publisher= Globo | obra = O Globo |data=16 de janeiro de 2020}}</ref> bem como a disposição do cenário e o discurso foram apontados como muito similares à estética empregada pela propaganda nazista.<ref>{{Citar web|url=https://gauchazh.clicrbs.com.br/cultura-e-lazer/noticia/2020/01/discurso-de-goebbels-opera-de-wagner-e-cruz-medieval-os-simbolos-do-video-que-derrubou-roberto-alvim-ck5ij567100uh01pl6nzpehr6.html |title= Discurso de Goebbels, ópera de Wagner e cruz medieval: os símbolos do vídeo que derrubou Roberto Alvim |publicado= Gaúcha ZH| data= 17 de janeiro de 2020 |acessodata=18 de janeiro de 2020}}</ref>