Diferenças entre edições de "André Ventura"

sem resumo de edição
| politico =
| título = Deputado na [[Assembleia da República]]
| mandato = [[625 de Outubrooutubro]] de [[2019]] até ''atualmente''ao presente
| antes =
| depois =
| título2 = Presidente do [[CHEGA!]]
| mandato2 = [[9 de abril]] de [[2019]]<br />até ''atualmente''ao presente
| antes2 =
| depois2 =
André Ventura estudou inicialmente para padre no [[Seminário]], mas não o completou.<ref>{{Citar web|titulo=Ciganos, imigrantes e prisões. O que diz André Ventura - DN|url=https://www.dn.pt/poder/ciganos-imigrantes-e-prisoes-o-que-diz-andre-ventura-11379814.html|obra=www.dn.pt|acessodata=2019-10-11|lingua=pt}}</ref> [[Licenciatura|Licenciou-se]] em [[Direito]] pela [[Faculdade de Direito da Universidade Nova de Lisboa]], com 19 valores. Defendeu em 2013 a tese de [[doutoramento]] em [[Direito público|Direito Público]] pela Faculdade de Direito da [[Universidade de Cork]], na [[Irlanda]], financiada pela [[Fundação para a Ciência e a Tecnologia|Fundação para a Ciência e Tecnologia]], na qual criticou o “populismo penal” e “estigmatização de minorias”, revelando preocupação com a “expansão dos poderes policiais”.<ref>{{Citar web|titulo=Tese de doutoramento de André Ventura critica “populismo penal” e “estigmatização de minorias”|url=https://www.publico.pt/2019/11/02/politica/noticia/tese-doutoramento-andre-ventura-critica-aproveitamento-politico-vontade-punicao-1892226|obra=PÚBLICO|acessodata=2019-11-18|lingua=pt|ultimo=PÚBLICO}}</ref><ref>{{Citar web|titulo=CEDIS {{!}} André Ventura|url=http://cedis.fd.unl.pt/blog/project/andre-ventura/|acessodata=2019-09-30}}</ref>
 
Actualmente lecciona na Universidade Nova de Lisboa e na [[Universidade Autónoma de Lisboa]].<ref>{{citar web|URL=https://24.sapo.pt/atualidade/artigos/andre-ventura-estou-convencido-de-que-o-professor-marcelo-rebelo-de-sousa-nunca-dissolveria-uma-assembleia-da-republica-quanto-mais-nao-fosse-porque-morreria-de-medo-de-o-fazer|título=André Ventura: "Estou convencido de que o professor Marcelo Rebelo de Sousa nunca dissolveria uma Assembleia da República, quanto mais não fosse porque morreria de medo de o fazer"|autor=Isabel Tavares e Rodrigo Mendes|data=24 de Setembrosetembro de 2019|publicado=Sapo.pt|acessodata=6 de Outubro de 2019}}</ref> É comentador criminal e desportivo no canal de televisão português [[CMTV]].
 
Em junho de 2015, afirmou que provavelmente seria candidato pelo [[Partido Social Democrata (Portugal)|PSD]] à [[Câmara Municipal (Portugal)|Câmara Municipal]] de [[Sintra]], o que não se concretizou.<ref name=":0">{{Citar web|titulo=Autárquicas: André Ventura é o candidato em Loures pelo PSD|url=https://sol.sapo.pt/artigo/556447/autarquicas-andre-ventura-e-o-candidato-em-loures-pelo-psd|obra=Semanario SOL|acessodata=2019-10-11|lingua=pt}}</ref>
Em outubro de 2017, ventura afirmou estar pronto a disputar a liderança do [[Partido Social Democrata (Portugal)|PSD]], caso mais ninguém avançasse contra [[Rui Rio]].<ref>{{Citar web|titulo=André Ventura admite candidatura à liderança do PSD - DN|url=https://www.dn.pt/portugal/andre-ventura-admite-candidatura-a-lideranca-do-psd-8818985.html|obra=www.dn.pt|acessodata=2019-10-11|lingua=pt}}</ref>
 
A 9 de abril de 2019, fundou o partido político [[CHEGA]], e, a 12 de Abrilabril de 2019, associou-se à [[Coligação]] [[Basta! (coligação)|Basta!]] para as [[Eleições parlamentares europeias de 2019 (Portugal)|Eleições Parlamentares Europeias de 2019]]. Não conseguindo eleger qualquer [[Eurodeputado]], a coligação foi dissolvida a 30 de Julhojulho de 2019.<ref>{{Citar web|titulo=Partido Chega, de André Ventura, aceite pelo Tribunal Constitucional|url=https://www.tsf.pt/politica/tribunal-constitucional-aceita-partido-chega-de-andre-ventura-10779729.html|obra=TSF Rádio Notícias|data=2019-04-10|acessodata=2019-09-30}}</ref>
 
Concorreu às [[Eleições legislativas portuguesas de 2019|Eleições Legislativas Portuguesas de 2019]] pelo [[CHEGA!]], como cabeça-de-lista pelo [[círculo eleitoral]] de [[Distrito de Lisboa|Lisboa]], acabando por ser eleito como o primeiro [[deputado]] do partido por si fundado.<ref>{{citar web|url=https://www.publico.pt/2019/10/07/politica/perfil/andre-ventura-eleito-chega-extrema-direita-parlamento-elei%C3%A7%C3%B5es-1889055|titulo=Extrema-direita chega ao Parlamento. Quem é e o que defende André Ventura?|data=7-10-2019|acessodata=7-10-2019|publicado=Público|ultimo=|primeiro=}}</ref> Tem posições liberais economicamente, nacionalistas culturalmente e conservadoras em questões de costumes.<ref>[https://sol.sapo.pt/especiais/andre-ventura-sou-contra-o-aborto-mas-nunca-condenaria-uma-mulher-que-aborta/?fbclid=IwAR2OClOgWRxf7v1m0zoDy0h7z3FkJwiZLae_uoyQbGelyDd6ZR7TzJvGYwA]</ref>