Diferenças entre edições de "VESA Local Bus"

982 bytes removidos ,  19h34min de 3 de fevereiro de 2020
SEM FONTES
m (traduzindo nome/parâmetro nas citações, outros ajustes usando script)
(SEM FONTES)
Além de [[placa de vídeo|placas de vídeo]], o VLB foi também utilizado para interfaces de disco e placas de rede. Devido a problemas com a [[impedância]] envolvida no projeto, uma [[placa-mãe]] podia ter apenas três slots VLB, o que era mais que suficiente para a maioria das aplicações da época.<ref>{{citar web|url=http://www.interfacebus.com/VESA_Local_Bus_Pinout.html|título=VESA Local Bus|autor =Leroy Davis|ano=2008|acessodata=21-11-2008}}</ref>
 
* O [[acrônimo]] VLB foi apelidado de '''''Very Long Bus''''' ("barramento muito longo"), devido ao comprimento do slot e das placas utilizadas nele.<ref>{{citar web|url=http://www.gdhpress.com.br/hardware/leia/index.php?p=cap3-7|título=MCA, EISA e VLB|acessodata=21-11-2008}}</ref>
==Características==
[[Imagem:VLB pins.png|right|thumb|300px|Pinagem do barramento VESA Local Bus]]
* Projetado inicialmente para [[placa de vídeo|placas de vídeo]] rápidas.
* Compativel com placas [[Industry Standard Architecture|ISA]] 8/16 bits.
* Capacidade de transferência de dados de 32 bits.
* Velocidade de transferência de dados na mesma freqüência do processador.
* Taxa de transferência de dados 132 MBps.
 
== Dados técnicos ==
{| class="wikitable"
! Largura do barramento
| 32 bits
|-----
! Compatível com
| ISA 8 bits, ISA 16 bits, VLB
|-----
! [[Terminal (eletrônica)|Terminais]]
| 112
|-----
! Vcc
| +5V
|-----
! Clock
| 486SX-25: 25&nbsp;MHz<br /> 486DX2-50: 25&nbsp;MHz<br /> 486DX-33: 33&nbsp;MHz<br />486DX2-66: 33&nbsp;MHz<br />486DX4-100: 33&nbsp;MHz<br />486DX-40: 40&nbsp;MHz<br />486DX2-80: 40&nbsp;MHz<br />486DX4-120: 40&nbsp;MHz<br />5x86@133Mhz: 33Mhz<br />5x86@160Mhz: 40Mhz<br />486DX-50: 50&nbsp;MHz (fora da escala)
|}
 
==Curiosidades==
* O [[acrônimo]] VLB foi apelidado de '''''Very Long Bus''''' ("barramento muito longo"), devido ao comprimento do slot e das placas utilizadas nele.<ref>{{citar web|url=http://www.gdhpress.com.br/hardware/leia/index.php?p=cap3-7|título=MCA, EISA e VLB|acessodata=21-11-2008}}</ref>
 
{{referências}}