Diferenças entre edições de "Polónia"

brexit
(brexit)
}}
{{PEPB|Polónia|Polônia}} ({{lang-pl|''Polska''}}, {{IPA-tudo|ˈpɔlska|pronunciado:|Pl-Polska.ogg}}), oficialmente '''República da Polónia''' ({{lang-pl|''Rzeczpospolita Polska''}}, {{IPA-tudo|ʐɛt͡ʂpɔˈspɔʎit̪a ˈpɔlska|pronunciado:|Pl-Rzeczpospolita Polska.ogg}}), é um país da [[Europa Central]] que tem fronteiras comuns com a [[Alemanha]] a oeste; com a [[Chéquia]] e a [[Eslováquia]] ao sul; com a [[Ucrânia]] e a [[Bielorrússia]] a leste; com o [[Mar Báltico]], o [[Oblast de Kaliningrado]] (um [[exclave]] [[Rússia|russo]]) e a [[Lituânia]] ao norte. A área total da nação é {{formatnum:312679}} quilômetros quadrados,<ref name="CSO_2008" /> o que a torna o [[Lista de países e territórios por área|69º maior país do mundo]] e o 9º maior da Europa. Com uma população de mais de 38,5 milhões de pessoas,<ref name="CSO_2008" /> a Polônia é o [[Lista de países por população|34º país mais populoso do mundo]],
<ref name="nationmaster">NationMaster.com 2003–2007, [http://www.nationmaster.com/country/pl-poland Poland, Facts and figures]</ref> o sextoquinto membro mais populoso da [[União Europeia]] (UE) e o Estado pós-comunista mais populoso da UE. A Polônia é um [[Estado unitário]] dividido em [[Subdivisões da Polônia|16 voivodias (subdivisões administrativas)]].<ref name="CSO_2008">{{citar web|título=Concise Statistical Yearbook of Poland, 2008|publicado=[[Central Statistical Office (Poland)]]|data=28 de julho de 2008|url=http://www.stat.gov.pl/cps/rde/xbcr/gus/PUBL_maly_rocznik_statystyczny_2008.pdf|acessodata=12 de agosto de 2008}}</ref>
 
Muitos historiadores traçam o estabelecimento do Estado polonês em 966, quando [[Mieszko I]],<ref name="A Concise History of Poland">{{citar livro|título=A Concise History of Poland|ano=2001|publicado=Cambridge University Press|local=University of Stirling Libraries – Popular Loan (Q 43.8 LUK)|isbn=0-521-55917-0|página=3|autor =Lukowski, Jerzy; Zawaszki, Hubert|edição=1ª }}</ref> governante de um território mais ou menos com a mesma extensão que o da atual Polônia, se converteu ao [[cristianismo]]. O [[Reino da Polônia (1025–1385)|Reino da Polônia]] foi fundado em 1025 e em 1569 cimentou uma associação política de longa data com o [[Grão-Ducado da Lituânia]], assinando a [[União de Lublin]], que acabou por formar a [[Comunidade Polaco-Lituana]]. A Comunidade gradualmente deixou de existir nos anos 1772-1795, quando o território polaco foi dividido entre o [[Reino da Prússia]], o [[Império Russo]] e a [[Áustria]]. A Polônia recuperou sua independência (como a [[Segunda República Polonesa]]), no final da [[Primeira Guerra Mundial]], em 1918.
{{Artigo principal|Demografia da Polónia}}
[[Imagem:Poland-demography.png|thumb|direita|280px|Evolução demográfica da Polónia de 1961-2003.]]
A Polônia, com {{formatnum:38544513}} habitantes, tem a oitava maior população na Europa e a sextaquinta maior da União Europeia. Possui uma densidade populacional de 122 habitantes por quilômetro quadrado. Historicamente, o território polonês contém muitas línguas, culturas e religiões. O país tinha uma população [[Judeus|judaica]] particularmente grande antes da [[Segunda Guerra Mundial]], quando o regime da [[Alemanha nazista]] levou ao [[Holocausto]]. Estima-se que cerca de 3 milhões de judeus viviam na Polônia antes da guerra, sendo que apenas 300 mil deles sobreviveram ao conflito. O resultado da guerra, especialmente a mudança das fronteiras polonesas na área entre a [[Linha Curzon]] e a [[Linha Oder-Neisse]], juntamente com a expulsão de minorias no pós-guerra, reduziu significativamente a diversidade étnica do país. Mais de 7 milhões de [[alemães]] fugiram ou foram expulsos do lado polaco da fronteira Oder-Neisse.<ref name="Langenbacher">''[http://explore.georgetown.edu/publications/index.cfm?Action=View&DocumentID=28631 Ethical Cleansing?: The Expulsion of Germans from Central Europe during and after World War .]'', Eric Langenbacher, Georgetown University, Washington, D.C. HEC No. 2004/1. p.29</ref>
 
Nos últimos anos, a população polonesa diminuiu devido ao aumento da [[emigração]] e ao acentuado declínio da [[taxa de natalidade]]. Desde a adesão da Polônia à União Europeia, um número significativo de poloneses emigraram, principalmente para [[Reino Unido]], [[Alemanha]] e [[República da Irlanda|Irlanda]] em busca de melhores oportunidades de trabalho no exterior. Em abril de 2007, a população polaca no Reino Unido subiu para cerca de 300 mil pessoas e as estimativas colocam a população polaca na Irlanda em 65 mil indivíduos. Algumas fontes afirmam que o número de cidadãos poloneses que emigraram para o Reino Unido depois de 2004 pode chegar a 2 milhões.<ref name="UK lets in more Poles than there are in Warsaw">{{citar notícia|url=http://www.dailymail.co.uk/news/article-384121/UK-lets-Poles-Warsaw.html|título=UK lets in more Poles than there are in Warsaw|publicado=Dailymail.co.uk|data= 25 de abril de 2006|acessodata=12 de abril de 2010|local=Londres|primeiro =Steve|último =Doughty}}</ref>
64

edições