Diferenças entre edições de "Pandemia de COVID-19"

1 byte removido ,  16h15min de 11 de março de 2020
mudando imagem de lugar para melhor visualização do texto
m
(mudando imagem de lugar para melhor visualização do texto)
== Transmissão ==
{{VT|Surto de 2019–2020 de coronavírus por país|Cronologia do surto do novo coronavírus 2019-nCoV}}
<gallery mode="packed" heights="200">
Wuhan_China.png|[[Wuhan]], China
2019-nCoV cases in Greater China.svg|Número de casos na [[Grande China|China]].
</gallery>
{{2019-20_Coronavírus_de_Wuhan/Mundo}}
 
 
A 20 de janeiro, a China registrou um aumento acentuado nos casos com quase 140 novos pacientes, incluindo duas pessoas em [[Pequim]] e uma em [[Shenzhen]].<ref>{{citar web|url=https://www.france24.com/en/20200120-china-confirms-sharp-rise-in-cases-of-sars-like-virus-across-the-country|título=China confirms sharp rise in cases of SARS-like virus across the country|publicado=France 24|acessodata=20 de janeiro de 2020|língua=inglês}}</ref> Em 23 de janeiro de 2020, Wuhan foi colocada em [[quarentena]], no qual todo o transporte público dentro e fora de Wuhan foi suspenso.<ref>{{citar web|url=https://qz.com/1789856/wuhan-quarantined-as-china-fights-coronavirus-outbreak/|título=China has locked down Wuhan, the epicenter of the coronavirus outbreak|último=Hui|primeiro=Jane Li, Mary|publicado=Quartz|acessodata=23 de janeiro de 2020|língua=inglês}}</ref> Huanggang e Ezhou, adjacentes a Wuhan, também foram colocadas em quarentena semelhante em 24 de janeiro de 2020.<ref>{{citar jornal|url=http://www.hkcna.hk/content/2020/0123/805512.shtml|título=湖北黃岡:城鐵站、火車站離開黃岡市區通道暫時關閉|data=23 de janeiro de 2020|publicado=Hong Kong China News Agency|acessodata=23 de janeiro de 2020|língua=chinês}}</ref><ref>{{citar web|url=https://www.straitstimes.com/asia/east-asia/china-locks-down-two-more-cities-huanggang-and-ezhou-after-wuhan|título=Wuhan virus: China locks down Huanggang, shuts down railway station in Ezhou after Wuhan lockdown|data=23 de janeiro de 2020|publicado=The Straits Times|acessodata=23 de janeiro de 2020|língua=inglês}}</ref> Em 24 de janeiro de 2020, o primeiro caso do novo coronavírus foi confirmado na [[Europa]], mais precisamente em França.<ref>{{citar web|url=https://www.cnbc.com/2020/01/24/france-confirms-2-cases-of-virus-from-china-1st-in-europe.html|título=France confirms first three cases of coronavirus in Europe|publicado=CNBC|data=24 de janeiro de 2020|acessodata=24 de janeiro de 2020|língua=inglês}}</ref>
 
<gallery mode="packed" heights="200">
Wuhan_China.png|[[Wuhan]], China
2019-nCoV cases in Greater China.svg|Número de casos na [[Grande China|China]].
</gallery>
 
A 13 de fevereiro de 2020, após dois casos confirmados em [[condomínio]], autoridades investigam transmissão entre pacientes sem qualquer tipo de relação. A suspeita é de que o vírus tenha se espalhado pela canalização de um edifício. Um prédio de 35 andares foi evacuado e mais de cem pessoas não puderam voltar para casa após a confirmação de que dois moradores estavam com o [[Coronavírus da Síndrome Respiratória Aguda Grave 2 (SARS-CoV-2)|vírus]]: uma mulher de 62 anos, que mora no 3.º andar, e um vizinho não identificado do 13.º.<ref>{{citar web|url=https://g1.globo.com/ciencia-e-saude/noticia/2020/02/13/coronavirus-predio-em-hong-kong-e-evacuado-autoridades-suspeitam-de-transmissao-por-encanamentos.ghtml|publicado=Globo.com|obra=G1|título=Coronavírus: prédio em Hong Kong é evacuado; autoridades suspeitam de transmissão por encanamentos|data=13 de fevereiro de 2020|acessodata=13 de fevereiro de 2020}}</ref>
4 780

edições